Ficou fácil viajar com crianças!

Trancoso com crianças: dicas e roteiros para a família

Trancoso é uma vila pitoresca do lado de Porto Seguro, mas sem acesso direto. Caso vocês estejam com crianças pequenas que não estejam acostumadas, saibam que agora a Trip tem um voo direto RJ-Porto Seguro. Mas muitas companhias saem do Rio de Janeiro, vão para Salvador onde há troca de avião, para finalmente seguir até Porto Seguro. Uma vez em Porto Seguro, vocês ainda devem alugar um carro ou contratar um traslado (foi o nosso caso – arrumamos um taxi pelo Google, por sinal simpático-), pegar uma balsa e percorrer uns 30 Km.  Falando assim, parece cansativo, mas vale à pena! Afinal de contas, vocês já estão na Bahia!

Passamos 3 dias e adoramos:

a Praia: comprida, à perder de vista, com água calmíssima na maré baixa e quente. Ideal para crianças pequenas!

Passar pela ponte que fica em cima do manguezal e que leva à praia: uma aventura para os menores! E se tiverem sorte, ainda avistam uns caranguejos!

O quadrado em si, com suas casinhas coloridas e relativamente baixas, parece com uma verdadeira vila de bonecas! Além desse gramado imenso no meio, que dá para correr, jogar bola, ficar “solto”! Podemos sentir a tranquilidade dos habitantes, misturado com um certo glamour “hippie-chic”! Ao entardecer, vale a pena passear e ver as lojas de artesanato e de marcas conhecidas (Osklen, Lenny,…).

a Piscina da pousada: com crianças é melhor, sempre que possível, escolher uma pousada com piscina. Pode parecer óbvio, mas em Trancoso, muitas não têm piscina, por serem feitas em casas antigas, sem estrutura ou terreno para isso. Nós ficamos na Pousada Capim Santo, que tem quartos lindos (com berço), amplos, separados pelo jardim, praticamente bungalows (interessante para quando o bebê chora e para não incomodar os outros hóspedes!). Além do mais, com piscina e com um dos melhores restaurantes da vila: bem prático para um excelente jantar em tête à tête enquanto a criança dorme no carrinho! Isso, sem falar do delicioso café da manhã, sem hora para acabar e com muita fartura e opções, difícil foi ter fome para provar de tudo!

Quadrado de Trancoso

Para os pais, enquanto as crianças brincam no gramado do quadrado, há restaurantes maravilhosos ao ar livreonde se come muito bem, em geral peixes e frutos do mar…Experimentamos também A Portinha, um restaurante a kilo bem legal, gostoso, com grandes mesas sob uma amendoeira, que dão um ar de piquenique para a garotada (olhando para a igreja no final do quadrado, está do lado esquerdo, relativamente no início).

Gostamos menos:

Trancoso fica no alto de um morro e para ir para as praias, tem que andar uns 15 minutos e descer uma estrada de terra…levar carrinho, nem pensar! Trata-se de um destino para crianças que já andam (e bem!).

Mas se vocês forem aventureiros como nós, não esqueçam de levar o sling ou porta-bebês que vai nas costas (tipo mochila).

 

Viagem feita em Março de 2009: sol e temperaturas agradáveis.

 

Para maiores informações:

Trancoso: trancosobahia.com.br

Pousada Capim Santo: capimsanto.com.br a partir de R$245 em baixa temporada.

Avaliações, fotos, disponibilidade e reserva do Capim Santo no Booking

Ver e reservar outras pousadas em Trancoso

Post da Constance Escobar sobre a Capim Santo e o Restaurante, com fotos super ilustrativas: aqui

Para o traslado: Márcio Barros marciotaxips@hotmail.com, com aluguel de bebê conforto.

Também estamos por aqui:

FACEBOOK TWITTER | INSTAGRAM | GRUPO VIAGENS EM FAMÍLIA

1745 Visualizações

Sut-Mie Guibert, Family Travel Blogger, Blogueira especializada em Viagens em Família, com crianças e bebês. Jornalista e mãe de duas meninas de 5 e 2 anos, adora levar as crianças para conhecer o mundo! Mas também gosta de escutar e falar sobre o assunto com outras famílias, que são sempre bem-vindas por aqui!

3 comentários para este artigo

  1. chris disse:

    Sobre as caminhadas até a praia, gostaria de lembrar aos leitores que Trancoso também oferece a opção maravilhosa das pousadas pé na areia, coisa cada dia mais rara! E sempre tem um acesso por terra bem fácil “pelos fundos”, por uma estrada que vai direito pro centro, e nem precisa de veículo 4×4. É mais fácil do que se imagina. Já tomar o café com as crianças olhando pro mar não tem preço. Tudo de bom (e de prático!)

  2. Luiza disse:

    legal as dicas. vao ser de bom proveito

Deixe seu Comentário





* Campos obrigatórios