Ficou fácil viajar com crianças!

Paris com crianças: se divertir no Jardin des Tuileries

Finalmente começa a nossa série de posts de Paris com crianças, com dicas de lugares onde se divertir na Cidade Luz com a criançada.

O Jardin des Tuileries é o maior e mais antigo de Paris, e vai do Louvre até a Praça da Concorde e de tão bonito que é, faz parte do Patrimônio Mundial da UNESCO!

O local tem várias entradas e vocês podem descer em diversas estações de metrô: Palais Royal- Musée du Louvre, Concorde ou até Tuileries. Nós optamos pela entrada da Praça da Concorde, para passear pelo jardim de uma ponta a outra.

Nós ficamos uma tarde e adoramos:

A placa de entrada explicativa: com inscrições em braile, mapa do jardim e as atividades à disposição. Como podem ver, tem muitas atividades disponíveis, prenúncio de uma tarde animada!

Clara mostrando por onde deveríamos começar o passeio!

A pequena “Librairie des Jardins”, livraria voltada para plantas, jardinagem e jardins, com parte infantil: logo à esquerda, na entrada do Jardim, existe este pequeno paraíso paraquem se interessa por flores e jardinagem. A parte infantil tem livros de leitura e também para colorir, assim como pequenos brinquedos e pelúcias, todos ligados a jardins: sapos, borboletas, brinquedos de madeira…um charme, vale uma visita rápida!

Os pula-pulas ao ar livre! Como a Clara já havia anunciado, este era o programa que ela queria fazer primeiro. Continuando do lado esquerdo do jardim, surge a área dos pula-pulas: oito pula-pulas na altura do chão, o que é bastante seguro, pois se a criança cai, ela não passa dali e todos ainda são acolchoados em volta. Pelo preço de 2 euros (aliás, todos os brinquedos em Paris custam, atualmente, 2 euros!), a criança tem direito a pular por 5 minutos. Como tem diversos pula-pulas, cada criança tem o seu, ou vai de um para o outro, o que foi o caso da Clara, já que quase não haviam outras crianças.

Do lado de fora, bancos charmosos na sombra para ver e aguardar as crianças.

Em geral, 5 minutos não os satisfazem, portanto, podem se preparar para uma segunda rodada!

O gato de botas e as meninas: como todo jardim parisiense, este é extremamente charmoso com suas estátuas de mármore. A Clara adorou esta aqui, já que pôde reconhecer facilmente todos os personagens.

 O carrossel à moda antiga: é certo que vão encontrar estes carrosséis em vários lugares de Paris, mas todos são um charme e as crianças não resistem! Preço: 2 euros.

No meio do Parque, grandes lagos artificiais: com chafarizes, patos, e pessoas aproveitando das últimas horas de sol para recarregar as baterias, antes de enfrentar o rigoroso inverno europeu!

Ainda do lado esquerdo, o Parquinho de Primeiro Mundo: grande, com chão emborrachado, feito de borracha reciclada (aliás, porque não conseguimos ter este tipo de coisa aqui?! Lá, todo parquinho, por menor que seja, tem este chão emborrachado) e brinquedos pensados e projetados para não machucar, sem pregos ou roscas aparentes, muito menos ferrugem!

Brinquedos para todas as idades, para os pequenos e os maiores.

Após as 17h, horário de saída das escolas, fica perceptível a chegada das crianças que vem brincar antes de voltar para casa. Logo, se quiserem ficar mais tranqüilos, tentem aproveitar do parquinho antes dessa hora!

Hora de lanchar e tomar um belo sorvete: de cada lado do Parque, existem cafés, onde podem sentar à sombra das árvores para tomar um café. Muitas vezes, alguns pais ficam por ali com carrinhos de bebês, enquanto os filhos maiores correm pelo parque.

Se a opção for tomar um sorvete de casquinha, existem carrocinhas que vendem sorvetes, no caminho em direção ao Louvre.

Observar os barquinhos à vela no lago: ou melhor ainda, alugá-los e brincar como as crianças faziam antigamente, empurrando os barcos com uma vara, de uma margem para a outra. No caso da Clara, 3 anos, achamos um pouco cedo para ela ficar se debruçando sobre o lago, por isso, preferimos ficar assistindo, o que já foi muito divertido!

 

Ir para debaixo da pirâmide do Louvre! Se ainda houver fôlego, vale a pena ir até o final do jardim, já avistando o Louvre, e entrar pela passagem subterrânea que atravessa as ruas por baixo, para ir até a Galerie do Carrousel du Louvre, um centro comercial com lojas muito bacanas: Virgin, Apple Store e La Maison du Chocolat para os pais e Nature & Découvertes para toda a família. Se quiserem ir embora por ali mesmo, existe uma estação de metrô: “Palais Royal-Musée du Louvre”.

Não esqueçam de tirar uma foto, pois vocês vão estar exatamente por baixo da pirâmide!

Gostamos menos:

O Parque não tem muitos banheiros, somente dois, um de cada lado, no meio dele, e como ele é grande, haja perna para correr em caso de urgência com as crianças!

Mas fora isso, trata-se de um passeio super agradável e barato, já que muitas coisas ali são gratuitas, e o que é pago, nem é tão caro assim! Fora que o Jardim é lindo!

Viagem feita em início de Setembro de 2010: sol e calor.

Para mais informações:

Carrousel du Louvre (em francês): carrouseldulouvre.com/W/do/centre/accueil

Você também pode gostar de ler:

Paris com crianças: Playmobil Fun Park

Paris com crianças: Disneyland

Paris com crianças: Montmartre

Paris com crianças: o Jardin d’Acclimatation, um Parque de Diversões dentro da cidade!

Paris com crianças II: dicas do João Luiz (2 anos) e da Clara (10 meses) e dos seus pais.

Compras em Paris para crianças: marcas de roupas e brinquedos

Hotéis em Paris para crianças

Também estamos por aqui:

FACEBOOK TWITTER | INSTAGRAM | GRUPO VIAGENS EM FAMÍLIA

14632 Visualizações

Sut-Mie Guibert, Family Travel Blogger, Blogueira especializada em Viagens em Família, com crianças e bebês. Jornalista e mãe de duas meninas de 5 e 2 anos, adora levar as crianças para conhecer o mundo! Mas também gosta de escutar e falar sobre o assunto com outras famílias, que são sempre bem-vindas por aqui!

47 comentários para este artigo

  1. carol garcia disse:

    Ai meu deus!
    lindo lindo lindo.
    estou com a passagem comprada pra Parrrrí. vamos em maio do ano que vem, mas maridex não quer levar o pequeno de jeito nenhum.
    humpf.
    mas não reclamo muito, vai ser a terceira lua de mel. ótimo.
    vou solicitar dicas “sem crianças” também, ok?
    kkkkk
    ótimo post!
    bjocas

  2. Destemperadinhos disse:

    Muito bom. O que mais adoro são as pessoas curtindo o sol ali no meio de tudo! Tão gostoso. Na minha época de mochileira só vi flores no jardim, não vi praças, pula-pula e sorvete. Ah, banheiros não é com os franceses mesmo.
    Beijos e segue assim, tá show!
    Alexandra
    PS: acho que vou mandar um post para ti sobre Garopaba/Rosa/Ferrugem, quer?

  3. Paloma disse:

    Muito bom, Sut-Mie. E lindas fotos, todas.
    Tô ansiosa pelo resto da série.
    Beijos

  4. Entretulipas disse:

    Que legal!! Amei o post. Qnd estive em Paris eu fui nesse parque e deitei em uma dessas caderinhas….A única diferença é que foi na primavera. Lembro que estava tudo florido… Maravilhoso.
    A pimpolhinha tá super fofa nas fotos. Gostosura! 🙂
    Beijokas e parabéns pelo post!

  5. Uma delícia né? Pena que quando eu fui com o D. ele era bem pequeno e estava frio.. mas ainda volto no verão pra ele correr por lá!

  6. Tati disse:

    hummmmmm1
    delicia de post!
    vou em fevereiro (inverno), com meu pequeno de 4 anos…adorei!
    deu mais água na boca!

  7. Luciana disse:

    Oi Sut!

    Que bom que vc voltou, estava mesmo sentindo sua falta! E que legal saber que estavam em Paris… A gente esteve lá há alguns anos atrás mas meus olhos não estavam treinados pra esse mundo infantil ainda e acabei não vendo nada disso. Mas com seu post me dei conta que Paris é um lugar realmente fantastico pra crianças, não é mesmo? Puxa vida, quanto brinquedo legal!!! E os barquinhos à vela pra alugar? Achei lindo demais… Uma brincadeira tão simples, mas que é capaz de fazer a imaginação voar… E agora fiquei morrendo de vontade de visitar de novo, desta vez com o Nic.

    Também queria aproveitar pra agradecer seu comentário. Fico feliz de alguém perceber que meus desenhos estão melhorando, porque eu também sinto isso! 🙂 E viva a prática!

    Beijos querida e bem vinda de volta!

    Lu

  8. beirouth disse:

    Oi Sut-Mie! Adorei o post. Já estive em Paris algumas vezes e sempre atravesso esse jardim. Mas ainda não levei meus filhos nenhuma vez… 🙁 Eles vivem cobrando… rsrsrsrs
    Também estou aguardando ansiosamente o restante dos posts. Beijos!

  9. Amei o post, menina! Que saudade de Paris, ainda mais agora que eu visualizei a cidade acompanhada do Theo. Amei essas camas elásticas – tenho certeza que ele ia pirar também!
    bjos e mal posso esperar pela continuação da série 😉

  10. fernanda disse:

    Sut Mie menina como vc tava sumida! que bom te ver por aqui e seus posts deliciosos, nossa fiquei com água na boca de levar meu mini pra lá, amo tanto Paris, mas vejo que conheço só a parte “adulta” da cidade, quando for com filhote terei que me preparar com as dicas, e este post já foi para os meus favoritos. Gente a parte das caminhas elásticas mini são demais…

  11. Amei o post! Além da Clarinha estar linda nas fotos (fofa a foto no louvre e no chafariz), o post está super bem escrito! Adorei tb a estátua do gato de botas! hehehe

    Parabéns, está o máximo!

    Beijos,
    Cla

  12. Lena disse:

    O que é o olhar, né? Nunca tinha reparado nos parquinhos de Tuileries!! Aposto que vem mais posts lindos por aí! 😉
    beijos

  13. Orangotango disse:

    Olá Sut Mie,
    Faz um tempinho que não nos falamos! Minha vida por aqui anda de vento em popa, corridinha, é verdade e quando chego aqui para dar uma xeretada encontro maravilhosas dicas sobre Paris. Pensamos em fazer uma viajem com a Nina nesta linda cidade ano que vem. Acho que será demais!
    Valeu! sempre bom!
    volto já já!
    um beijo,
    Orangotango- Paula

  14. Luciane disse:

    Oi Sut,
    Ane comentou sobre meu interesse em planejar uma ida com a pequena, ne?
    Consegui achar o Guia (Paris com crianças) e vou comecar a ler e montar uma ideia de roteiro. Tudo bem devagar para juntar a grana 🙂 .
    Aí fiquei com a primeira dúvida (certamente vou te perturbar com várias outras hehe): a melhor época do ano. Tinha pensado Maio, mas já vi que a maioria das pessoas costuma escolher Set/Out.

    Qual época você considera melhor?

    Bjs
    Lu

    • Sut-Mie disse:

      Oi Lu,
      Maio já é uma boa época, os jardins ficam super floridos! Mas gosto mais de final de maio/ junho para ter certeza de temperaturas mais altas, dias mais ensolarados e mais compridos. Dia 21 de junho é o primeiro dia do Verão e Paris inteiro entra em festa, a Festa da Música com todos os bares, restaurantes tocando música…muita gente na rua, um ambiente divertido!
      Setembro tb é uma boa época, os dias ficam bem bonitos e ainda compridos (até 20h). Eu iria até meados de setembro…Final de setembro as temperatura ja começam a cair (10/ 15°C) e não entraria em outubro por causa da temperatura, apesar do outono ser uma estação bem bonita, com folhas amarelas por todo lado. É certamente romântico, mas para as crianças brincarem nos Parques, fica um pouco mais difícil.
      Claro, isso tudo são opiniões pessoais; conheço pais que adoraram levar as crianças em outubro/ novembro, até para “se vestirem de frio” e apresentarem esta estação e o frio para as crianças. Tem crianças para as quais isso é divertido!
      Bjs

  15. Nara disse:

    Adorei Sut tudo que você passou para nós , mães viajantes de primeira viagem.
    Estou viajando com minha filha Nina (3 anos e meio) e meu marido para Paris dia 1 de março.
    É a primeira vez que viajo para fora do Brasil com a Nina e estamos amando esta aventura.
    Meu marido irá trabalhar por 5 dias em Paris e vamos aproveitar e estender mais alguns dias por lá. Queremos curtir Paris, sem ficar viajando para outras cidades , pois acho que temos muitas coisas bacanas para fazer lá.
    Queria algumas dicas de locais para comer com criança e também boas sugestões de compras em supermarkts, afinal vamos ficar em um apto. Estou encantada com a quantidade de opções de jardins e parques para visitar. Somente estou um pouco apreensiva com a temperatura neste período. Outra ansiedade é não falar francês (falo um pouco inglês). Se tiver mais alguma dica interessante, vou adorar !!!!! Depois te encaminho fotos e experiências interessantes vividas com a Nina em Paris, ok?

    • Sut-Mie disse:

      Oi Nara,

      Por incrível que pareça, Paris não tem muito restaurantes “kids friendly”, com áreas para brincar e etc, como nos Estados Unidos ou até aqui, no Brasil! Penso que a comida e restaurante é assunto importante demais para eles! 😉
      Mas a cadeia de restaurantes Hippopotamus (que tem a carne como prato principal, porém, cuidado, você vem do Brasil, onde a carne tem muuuuuito mais gosto!)tem um menu infantil http://www.hippopotamus.fr/formules/hippokids-6.90-12547562951858.html
      Vcs têm as opções também de muitas creperias, onde o simples crepe “jambon-fromage” (presunto e queijo) é delicioso para as crianças!
      Ou este restaurante, no 19e arrondissement (bairro), perto do Museu de La Villette. Se vcs forem visitá-lo, vale à pena conhecer e tem área infantil!: http://www.les400coups.eu/Les-activites-enfants.html (problema do site: tudo em francês!)
      No supermercado (Monoprix, Franprix…), vocês vão ver muita coisa bacana, muitos biscoitos diferentes, iogurtes…dá vontade de provar tudo! Nem tenho dica particular não, vocês vão ver as coisas e querer provar, simplesmente!
      Sobre a temperatura, tem estado em torno de 13°C, até que não está tão mal…! Levem manga comprida, calça, casaco leve…

      Sobre não falar francês, bem, você vai ver que, efetivamente, eles não gostam muito disso não, mas que jeito?!
      Bjs e boa viagem!

  16. Andre disse:

    Olá ! Eu minha esposa amamos viajar !!!
    Temos o Vitorio de 7 anos , e agora a Valentina de 4 meses .
    Morremos de vontade de leva-los a Paris , mas o tempo de viagem nos breca um pouco !
    Já ouvi dizer que tdo é muito dificil para a criançada , principalmente alimentação .
    Mas esse blog esta fazendo tdo parecer bem tranquilo !? será ?

    • Sut-Mie disse:

      Olá Andre,
      Se vcs amam viajar, isso normalmente está no sangue e nenhuma “pequena” dificuldade deveria fazê-los desistir de viajar, ainda mais com os seus filhotes!
      Você mencionou o tempo de viagem: o de 7 anos já é “grande”, se diverte com os filmes, seriados e desenhos da tv, além de dormir facilmente. A de 4 meses normalmente tb deveria dormir facilmente e ainda tem direito ao berço do avião!
      Sobre a alimentação, tb não vejo dificuldades! Novamente, o de 7 anos já come de tudo e Paris tem uma fama gourmet que eu não preciso relembrar: crepes, sanduíches, restaurantes com menus kids…e quanto à pequena, ou ela mama no peito, ou vocês têm muitas opções de potinhos, inclusive orgânicos, se não forem à favor…isso nos supermercados, por ex. Monoprix http://courses.monoprix.fr/magasin-en-ligne/achat-acheter-Repas-a-base-de-legumes-6568103,rayons,Aucun,Toutes,3,0,.html e até nas lojas Naturalia, onde TUDO é bio e orgânico: http://www.naturalia.fr/bio-bebes-enfants-mamans_petits-pots-sales_2_582.htm
      Se forem para lá, levem sling para a pequena ou levem o carrinho dela, ou podem tb alugar lá: http://www.location-de-poussette.fr/porte-bebe-poussette.html
      A primeira vez que a minha filha foi para Paris tinha 8 meses e eu sou suspeita, tanto para falar de Paris (sou francesa), quanto para falar de viajar com as crianças para lá!
      Bjs e coragem! 😉

      • André Greco disse:

        Oi Sut-Mie !
        Suas dicas já estão todas anotadas , e a cada dia nos encorajamos mais !
        Pretendemos ir em abril do proximo ano (é uma boa epoca ?) Valentina ja estará com 1 ano e certamente andando (havia esquecido de comentar isso ) . Mas pelo que estou aprendendo , a solução e arrumar coisas para destrai-los.
        Aproveitando, e abusando da sua bondade , vc tem uma dica de hotel com preço bacana para ficarmos ???
        Bjos

        • Sut-Mie disse:

          Oi André,
          Eu ainda prefiro maio…um pouco mais quente e mais florido (às vezes, em abril ainda chove faz um pouco frio…)! Se a Valentina estiver andando, mais uma vez, insisto sobre o carrinho…
          Um hotel bacana bbb que nos indicaram há pouco tempo é o http://www.solarhotel.fr/en/ , bem situado, num bairro calmo. De fácil acesso dos aeroportos e com linha direta de metrô para Saint Michel, Notre Dame…
          Bjs

  17. André Greco disse:

    Sut-Mie ! Muito obrigado !
    Otima a sua dica do Hotel . Adorei o $$$
    Bjão

  18. Andressa Duarte disse:

    Olá,
    Vou me divertir muito com as suas dicas. Só de ler já me sinto lá!
    Estou indo viajar com meu marido e minha filha de 1.6 anos pra Paris no final de setembro.
    Tenho uma grande dúvida qto ao fuso horário! Como vcs fizeram para adaptar o horário dela?
    Obrigada,
    Andressa.

    • Oi Andressa,
      Essa parte realmente é um pouco mais difícil. Eu sempre tento entrar na rotina e seguir os horários do país no qual estamos. Para a França, em setembro, serão 5 horas a mais em relação ao Brasil. Para a noite, em geral, como a criança teve muitas novidades durante o dia, ela fica cansada e aceita dormir cedo. Se ela tiver uma rotina, melhor ainda: banho, ler uma história como se ela estivesse em casa, vai ajudá-la a retomar os seus parâmetros. O problema é o acordar, pois ela vai acorda super cedo de madrugada. Os passeio vão começar mais cedo! E levem um carrinho guarda-chuva, assim qdo bater soninho, ela pode dormir.
      Mas isso acontece nos 2, 3 primeiros dias; depois a criança entra no esquema!
      Bjs

  19. Adriana disse:

    Olá! Estarei em Paris do dia 13 a 24 de setembro de 2011 com minha filha de 2 anos e 4 meses. Esse passeio também foi em setembro, não foi? Estou preocupada com o clima. Quando você foi estava agradável? Chegou a pegar algum frio? apesar de ainda não estar no inverno fico preocupada se pra nós, que moramos num país tropical já não estará um pouco frio. O que vc acha?

    • Oi Adriana,
      Sim, quando fomos em setembro o tempo estava agradável, dá para ver pelas fotos dos posts de Paris que estamos de camiseta. No máximo, usamos um casaco leve no final do dia…Leve sempre tb uma ou duas calças para ela e uma camiseta de manga comprida.
      Eu, pessoalmente, gosto muito da Europa em Setembro ou Maio/Junho. Não faz muito frio e o céu está bem azul.
      Ms obviamente, não posso garantir….Tomara que o tempo esteja bom para vcs aproveitarem bastante!
      Bjs

  20. Adriana disse:

    Obrigada pelas informações! Aliás vou aproveitar a maioria das suas dicas de passeios. Minha preocupação agora será a arrumação das malas…Se tiver algumas dicas pra me dar…Além de não deixar faltar nada, ainda tem a questão do peso das bagagens. De Brasília para Lisboa é um peso, agora de Lisboa para Paris me parece, um pouco menor, 2o kilos por pessoa. Você sabe se o carrinho de criança conta como uma bagagem?

    • Oi Adriana,
      Sobre o peso das malas, tudo depende das companhias aéreas e se a viagem de Lisboa para Paris for em alguma companhia low cost, realmente autorizam menos peso. Mas vc tb tem o direito de pagar pelos kg excedentes.
      Quanto ao carrinho de criança, em geral, ele não é contado como uma bagagem.
      Bjs

  21. sabrina disse:

    gente, alem de Paris, tb iremos a mont st michel, vale de loire e cote d´azur. alguma dica ? minha Bibi terá 2 anos e meio

    • Olá Sabrina,
      …Não vejo nenhuma dica específica para dar, esses lugares são todos maravilhosos! 🙂
      No Mt Saint Michel, tem bastante escadas (de degraus largos, não cansa), mas fica difícil levar carrinho.
      No Vale do Loire, pessoalmente prefiro castelos menores: adoro o Castelo de Chenonceau. Blois, Amboise, Azay-le-Rideau e Chenonceau são lindos! Muitos falam de Chambord, que gosto menos, pois acho-o muito “pesado”, mas isso é totalmente pessoal…
      E Côte d´Azur tb, nada de especial a dizer…muito sol, protetor solar, coisas básicas… se vc tiver alguma pergunta específica, pode perguntar.
      Bjs e boa viagem!

  22. mauricio carneiro disse:

    olá, meu nome é mauricio e iremos à paris no início de maio. tenho um menino de 7 e uma menina de 4 anos e meio. o parque da aclimatação vai interessar ao mais velho? se tiver que escolher entre a eurodisney e a cidade das crianças, qual acha mais interessante? isto porque pensamos que a menor não vai aproveitar tanto a eurodisney (poderemos leva-los quando ficarem mais grandinho). obrigado.

    • Olá Maurício,
      Os 2 parques tem estilos bem diferentes…mas se tiver que escolher, penso que a Eurodisney é mais interessante para os dois. A pequena de 4 anos e meio vai aproveitar a Fantasyland sim (área mais adaptada para os pequenos) e ela está bem na idade em que elas gostam de Princesas e contos de fadas! 😉
      Só tomem cuidado, pois existem 2 Parques na Disneyland (muita correria ver os dois num dia só).

      Se não estiverem com vontade de ir longe, o Parque da Aclimatação é mais perto e tem alguns interesses para o de 7 anos (pequenas montanhas russas, barcos de controle remoto…)

      Um abraço,

  23. Sut-Mie, que maravilha de dicas com crianças em Paris! Estou louca pra levar o meu pequeno lá, cidade que tanto amo. Vou pegar todas as dicas por aqui! bjs

  24. Renata Araujo disse:

    Ola Sut-Mie! Estou planejando ir em Paris no ano que vem com meu marido e levar a minha filha, que completará 3 aninhos durante a viagem.Estou em duvida de onde me hospedar. Estou ate pensando em alugar um apto para ter mais estrutura.Voce tem alguma dica?
    Obrigada!

  25. Renata Araujo disse:

    Oi Sut-Mie!

    Acabei alugando um apto mesmo e vamos em setembro! Estou super ansiosa e espero que tudo dê certo!
    Participo do grupo no facebook e adoro!
    Bem, sobre esse passeio no Jardin des Tuileries, vc acha que dá para ir depois no Louvre? Ou é melhor fazermos o contrario, primeiro Louvre e depois jardim??

    Bjs e obrigada!

    • sutmie disse:

      Olá Renata,
      Que legal!
      O Jardin des Tuileries fica bem de frente para o Louvre! Acho melhor ir no Museu primeiro (até porque uma vez que começar a ver os parquinhos, a sua criança não vai querer sair de lá)!
      Vcs podem ir no Museu de manhã, na hora do almoço passar na praça de alimentação do Carroussel du Louvre (fica ao lado do museu, por baixo dele), lá tem vários restaurantes http://www.restaurantsdumonde.fr/ para todos os gostos. Vcs podem comer ali mesmo ou levar a comida e fazer um piquenique no Jardin des Tuileries! 😉
      Depois de almoçar, podem se divertir no Jardim e aproveitar os dias compridos de verão! Eu não me lembro quando vc vai, mas até dia 25 de agosto tem vários brinquedos (tipo roda gigante) que ficam instalados lá durante o verão/férias: http://feteforaine-jardindestuileries.com/
      Bjs!

      • Renata Araujo disse:

        Oi Sut-Mie!

        Adorei a dica e foi seguir suas otimas sugestões! Mas vamos em setembro…

        Bjs,
        Renata

        • sutmie disse:

          Esqueci! Achei que vc fosse por agora…mas não tem problema: a praça de alimentação é boa e tem opções para todos os gostos! Podem comer lá e ver o Jardim das Tuileries depois. Não haverá mais a roda gigante, mas tem o parquinho do post, os pula-pulas, os barquinhos nos lagos…
          Bjs

  26. Tacyla disse:

    oi, meu esposo quer muito passar o natal em Paris é o sonho dele, tenho um filho de 4 anos e estou muito preocupada com a temperatura o que acha?

    • Sut-Mie Guibert disse:

      Olá Tacyla,
      Faz muito frio no inverno na Europa, não há como escapar disso! 🙂
      Mas você passa a fazer mais programas indoor, há vários programas interessantes para o seu filho: Cité da La Villete que tem exposição interativa de ciências para os 2-5 anos, tem a Grande Galeria da Evolução. Todos os lugares são super aquecidos: museus, restaurantes, hotéis, metrô, ônibus…
      E você pode aproveitar o clima de Natal, fica tudo super decorado, iluminado e bem bonito! Há Feiras de Natal, as vitrines das Lojas de departamentos, os Champs Elysées… dá uma olhada neste post: aqui.
      Eu prefiro visitar a Europa com crianças nas outras estações, mas se for para ser no inverno, que seja na época de Natal, que pelo menos tem um contexto que fica mágico! 😉

  27. ANA CAROLINA disse:

    Olá,

    estamos planejando uma viagem para final de setembro/inicio de outubro com nosso pequeno que estará com 1 ano e 8 meses. Nosso roteiro deve ser Londres, Paris e Amsterdam…como o do último post! rs
    Quanto tempo você sugere para ficar em Paris? E um hotel bbb???
    to amando o blog e anotando todas as dicas!!!
    bjs

    • Sut-Mie Guibert disse:

      Olá Ana Carolina,
      Me desculpe, este comentário caiu bem abaixo dos outros e acabou ficando perdido! 🙁
      Não sei se vc já foi e tem tudo programado. Eu não sei quanto tempo você tem no total, mas Paris merece pelo menos uns 4/5 dias…
      Hotel BBB, você tem o http://www.solarhotel.fr/fr/ ou, como estão como 1 criança só, a rede Ibis ou TimHotel http://www.timhotel.com/fr/accueil.htm Tente ficar em lugares centrais como St Germain, Montparnasse, Opéra, Bastille, Les Halles… evitar os limites de Paris (as “Porte”), que são quase saindo de Paris.
      Um abraço

Deixe seu Comentário





* Campos obrigatórios