Ficou fácil viajar com crianças!

Buenos Aires com crianças: Casa Mua, restaurante com brinquedoteca em Palermo.

ATUALIZAÇÃO Set 2014: Atenção! Os últimos comentários de leitores sobre este restaurante, que agora se chama Casa Muamor, tem sido bem negativos. Existem outras opções melhores com crianças atualmente, como La Paricella ou La Cabrera. Infelizmente, estes não tem áreas para brincar mas recebem bem as crianças com menu kids, balões, “árvore de pirulitos”… 😉

***************************************

Antes de mais nada, tenho que contar que a dica foi dada pela Fernanda Paraguassu. Não há viagem para Buenos Aires com crianças que possa ser feita sem antes dar uma olhada no seu blog Buenos Aires para Niños ou no seu Guia de Buenos Aires com crianças! Pois bem, seguindo as suas dicas de restaurantes kids friendly na capital portenha, escolhemos este daqui em Palermo e curtimos muito!

A Casa Mua é uma casa de esquina, charmosa, como tantos restaurantes em Palermo. A diferença é que o lugar é mais do que um restaurante: é uma padaria, uma lojinha de objetos fofos de decoração, uma galeria de arte, uma casa de chá e principalmente, um lugar excelente para comer com crianças!

O restaurante é grande: tem mesas do lado de fora e dentro, em uma área comprida, com pé direito alto e janelões, o que amplia e ilumina bastante o ambiente. A decoração é despojada e bem charmosa com bastante madeira, modelos de cadeiras diferentes, um pouco no estilo “provençal”, mas poderia falar também de charme portenho!

Na entrada do restaurante, vários objetos fofos à venda. Ainda bem que estava acompanhada das crianças que não me deixaram olhar nada, senão seria uma perdição!

O restaurante tem wi-fi grátis, cada vez mais frequente e sempre apreciável!

Mas o melhor de tudo, realmente, é este espaço para as crianças brincarem: fantástico! Uma sala grande cheia de brinquedos para todas as idades: casinha de bonecas, legos, carrinhos, livros, bonecas…e ainda um mini-palco onde acontecem peças de teatro e contação de histórias com recreadores, aos finais de semana.

A brinquedoteca fica separada por um vidro, portanto dá para ver as crianças e vice versa, e se tiverem a sorte de ficar numa mesa coladinha ao vidro, melhor ainda! Reparem que o espaço tem porta, que deve ser fechada quando há muito barulho, deixando as crianças brincarem em paz de um lado e os adultos conversando do outro! 😉

O menu vem escrito à mão num caderno, como se fossemos recebidos por um amigo, e para as crianças, eles tem o “Adorable Niños”, menu infantil com 4 opções de pratos + suco + surpresa. Custa 40 pesos (R$17,30).

Nós optamos pela massa: as meninas dividiram um fusilli com manteiga e queijo ralado. Um pouco simples, até a filhota se espantou, mas tudo bem, o que elas queriam mesmo era brincar! Interessante é que a louça é toda de plástico, uma louça infantil encontrada na IKEA e que, por acaso, temos a mesma em casa. Eu optei por um crepe de espinafre com ricotta, interessante.

No final, uma conta de 158 pesos argentinos (R$68) por 2 pratos, 3 sucos de laranja e um café… um preço justo pelo bom momento que as crianças passaram! E, toque final, a pimpolha ganhou um livrinho de leitura (a surpresa do menu) e saiu toda feliz! Pequenas atenções e serviços que adoramos!

Fomos para lá de táxi, saindo do Zoológico e antes de visitar a Barbie Store, já que tudo é no mesmo bairro de Palermo. 

Para mais informações:

Casa Mua: Soler 4202, Palermo (esquina Julián Alvarez). Tel: (+54 11)  4862-7561.

O site casamua.com está atualmente fora do ar.

Também estamos por aqui:

FACEBOOK TWITTER | INSTAGRAM | GRUPO VIAGENS EM FAMÍLIA

11468 Visualizações

Sut-Mie Guibert, Family Travel Blogger, Blogueira especializada em Viagens em Família, com crianças e bebês. Jornalista e mãe de duas meninas de 5 e 2 anos, adora levar as crianças para conhecer o mundo! Mas também gosta de escutar e falar sobre o assunto com outras famílias, que são sempre bem-vindas por aqui!

21 comentários para este artigo

  1. Oi, Sut. Tudo bem? 🙂

    Seu post foi selecionado para a #Viajosfera, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Natalie – Boia Paulista

  2. Andreia disse:

    Ola! Gosto muito dos seus post, são de grande proveito para pessoas que como eu, viaja com crianças. Parabéns!

  3. Alexandra Aranovich disse:

    Oi Sut
    Eu fui nesse restaurante com a própria Fernanda Paraguassu e adorei. Comi um pastel de choclo excelente.
    Beijos e Feliz Natal
    Alexandra

  4. Karla disse:

    olá!!! Gostaria de uma ajuda…
    Estou me preparando para viajar para buenos aires e ao entrar em contato com o Novotel, recebi a informação de q o novotel de lá não possui suites que acomodem 02 adultos e 02 crianças. Será que não entendi as informações que vc tão claramente nos forneceu?

  5. Elisangela Leitão Afif disse:

    Olá! Estive em Buenos Aires ano passado, com minha família e, seguindo as dicas da Fernanda Paraguassu, alugamos um apartamento em Palermo pela Byt Argentina (www.bytargentina.com). É uma ótima opção para quem quer passear o dia todo e à noite voltar para o conforto de uma casa. Não conseguimos ir no Casa Mua (ficará para a próxima, com certeza), mas em todos os demais lugares fomos muito bem recebidos com nossos pequenos. Buenos Aires é realmente um destino para crianças.
    Bjos e obrigada pelas dicas

    • sutmie disse:

      Olá Elisangela,
      Obrigada pelo comentário e dica! Eu tb adoro Buenos Aires, uma cidade muito gostosa com crianças (e pertinho do Brasil)! 😉
      Bjs, volte sempre!

  6. Juliana disse:

    Moro pertinho daí, ontem fui e comi um Wrap da casa que amei e estava cheio de crianças. O ambiente é extremamente agradável e se vc estiver de boa, leve um livro ou um jornal pra passar um tempo!

  7. Thelma disse:

    Cheguei hoje de Buenos Aires, fiz um esforço para encaixar esse restaurante na programação com meu filho de 3 anos e foi uma decepção: comida muito ruim, sala de brinquedos velha com brinquedos sujos e quebrados, o local é até agradável mas realmente fiquei muito decepcionada.

    • sutmie disse:

      Poxa, Thelma, que pena!
      Quando estivemos lá, o lugar é efetivamente mais charmoso do que a comida excelente, mas não foi ruim! E para as crianças, foi super normal.
      E elas adoraram poder ficar brincando enquanto eu estava do outro lado do vidro!
      Mas bom saber e ter a sua opinião! Da próxima vez em Buenos Aires vou dar uma checada! 😉
      Um abraço,

  8. Luciana disse:

    Oi! Em julho estamos indo para BAires pela quinta vez com nossos três filhos: 2,5 e 7 anos , já fomos ao Museo de los ninos, ao zoo de Palermo… Gostaria de saber se o Museo Proibhido no tocar na Recoleta ainda funciona e se vale a pena. E gostaria também de novas dicas para minha turminha. Será uma passagem breve de um dia pois estaremos na verdade indo para Chapelco. Se tiveres dicas de lá também agradeço. Obrigada. Adoro seu blog!

    • Sut-Mie Guibert disse:

      Olá Luciana,
      Acabei de chegar de lá, onde fomos passar o Carnaval. Adoramos o Museo Proibido no tocar, as minhas meninas (6 e 2 anos) se divertiram mexendo em tudo. O lugar é até maior do que eu pensava! Vão direto para o segundo andar que é o mais interessante para as crianças. Repara que o museu abre de terça a domingo e à partir das 15h30: http://www.mpc.org.ar/
      Ali mesmo na Praça Recoleta tem o delicioso sorvete Persicco na esquina http://www.persicco.com/ ou o Buenos Aires Design com uma loja com objetos antenados e divertidos (fizemos uma horinha lá, já que o museu ainda não estava aberto).
      Um abraço, divirtam-se!

      • Márcia disse:

        Oi, Luciana!
        Estamos planejando ir a BsAs em outubro com nosso filhote que na época estará com 2 anos e 8 meses. Vi que vc acaba de voltar de lá e queria saber se tem novas dicas da cidade. Já estivemos duas vezes na cidade, mas ambas ainda sem ele.
        Parabéns pelo blog!

  9. daniel disse:

    Nao va a este lugar ja ate mudou de nome agora eh muamor. Nao tem nada de bom. Brinquedos velhos e quebrados este blog esta desatualizado.

  10. Denise Sobral disse:

    Me desculpe mas acho que vc e amiga do dono deste restaurante ! Fui lá ontem e desarrumado, brinquedotrca pequena e cheia de brinquedos quebrados, nao tem wi fi. E o atendimento péssimo ! Nao recomendo !

    • Sut-Mie Guibert disse:

      Olá Denise,
      Se você reparar, este post é de 2012! Efetivamente, o serviço e as coisas podem ter mudado em 2 anos! E, do que últimos leitores tem comentado, aparentemente mudou. Nem por isso você precisa fazer deduções e alusões. Este blog sempre indicou todas as parcerias e (raros) posts patrocinados. Eu não sou amiga de ninguém do restaurante, nem tenho ideia de quem seja o dono! Somente fiz um post a partir de uma experiência boa que tive HÁ DOIS ANOS ATRÁS. Inclusive, fui lá com indicação de outros guias e blogs e, na época, gostei.
      É muito bom quando leitores nos ajudam com dicas e retornos. Ainda mais se as coisas mudaram, para ajudar outras famílias. Desde que isso seja feita de forma respeitosa, sem acusações levianas!

  11. Ana Conde disse:

    Pessoal, realmente, não vale a pena ir neste lugar! Inclusive, tive um novo aprendizado: prestar atenção na data dos posts.
    Acabo de chegar de Buenos Aires e fiz questão de ir a este lugar e foi uma grande decepção. Creio que mudou de dono. Tinha até teia de aranha no teto. Cheio de quinquilharias para vender, forro de cadeira quebrada e a cozinha um horror. A sala de brinquedos então….uma decepção.
    Sugiro que seja feito uma nova resenha sobre este lugar aqui no site para que as pessoas ao tenham a mesma experiência. Minha família detestou…..
    Além disso, aprendi que é muito importante ler os cometarios sobre os posts, pois somente agora vi que ja haviam comentarios atualizados….

    Foi uma pena!

    • Sut-Mie Guibert disse:

      Olá Ana Conde,
      Que pena! Efetivamente, os últimos comentários tem sido bem negativos sobre este restaurante. Eu vou colocar um aviso no início do post!
      Obrigada por deixar a sua opinião nos comentários.
      Um abraço

Deixe seu Comentário





* Campos obrigatórios