Ficou fácil viajar com crianças!

Hotel Review feito por uma leitora: Serhs Natal Grand Hotel

Convidada Especial | Alessandra Andreoli

De vez em quando, temos leitores que nos escrevem querendo compartilhar dicas de hotéis, destinos, roteiros… E vocês sabem: sempre tem um espaço no Viajando com Pimpolhos para as famílias viajantes! 😉 Desta vez, é a Alessandra Andreoli que gentilmente fez o review do Hotel Serhs em Natal, onde ela foi com a família e filho de 1 ano e 2 meses:

 

 

“Decidimos ir para Natal aproveitando uma promoção da Gol. Seria uma viagem mais longa para o meu bebê tão acostumado a viajar de avião. Moro em São Paulo, mas vou ao Rio pelo menos 1 vez por mês, o que já fez meu pequeno fazer 32 voos!

Demoramos para decidir o Hotel onde iríamos ficar hospedados, pois precisava de um hotel com esquema de resort e que tivesse uma infraestrutura para receber bebês. Depois de pesquisar fiquei em duvida entre o Ocean Palace e o Serhs Natal Grand Hotel. Na minha 1ª pesquisa, o Ocean era um pouco mais barato, uma diferença de R$ 700 pro Serhs, o que me fez crer que esse seria um hotel melhor, mas acabamos demorando para fazer a reserva o e quando “acordamos” não havia mais disponibilidade no Ocean Palace. Com isso, não tínhamos mais opção. E que bom que o destino conspirou a nosso favor, e por ocasião da baixa temporada, acabamos pagando menos que no outro hotel.

Ficamos 7 dias em Natal e adoramos:

O  Hotel é muito novo: ele é composto por 7 andares e dividido em 5 blocos interligados. Bem de frente para a praia, é pé na areia: basta descer uns poucos degraus e vc está na praia quase que particular do hotel. Não é uma praia calma, mas com cuidado e supervisão dos pais, as crianças se divertem no mar e na areia, e tem um guarda-costas do hotel de olho nos hóspedes, caso aconteça algum acidente.DSC06311DSC06364O serviço e o quarto: fomos recebidos com suco de laranja na recepção e um upgrade de quarto já conseguido pela agencia de viagem Periplus, que montou a viagem para nós. O quarto era ótimo, muito espaçoso e confortável. Saímos de um apto superior para uma suíte Junior, composta por uma sala com sofá cama, mesa de jantar (3 lugares), bancada de trabalho e 1 banheiro + 1 quarto com cama de casal Queen e 1 banheiro, ou seja 2 banheiros: um com banheira de imersão e o outro com chuveiro! Quando chegamos no quarto, o berço já estava lá prontinho.

Restaurantes: há 5 restaurantes, sendo 3 servindo à la carte e 2 Buffets. Todo sábado servem uma feijoada conhecida por lá e muito gostosa. O café da manhã é espetacular, um dos melhores que já vi (e olha que sou exigente)! Muita variedade de frutas (pelo menos umas 7 por dia), 6 tipos de sucos, muitos pães, pães doces e bolos, além de uma parte onde faziam tapioca, omelete, queijo quente… enfim come-se muito bem e quase dá para dispensar o almoço e pular logo pro jantar! Fomos no esquema de meia-pensão, e a princípio, a refeição teria que ser o jantar. Mas eles são muito flexíveis, então se quiser um dia jantar fora do hotel e trocar o jantar pelo almoço, eles liberam. A comida dos restaurantes não é a mais maravilhosa, mas dá para comer bem. Os restaurantes à la carte são melhores, mas tem que reservar. Quem quiser uma massa ou pizza ao invés de jantar comida, ela é servida em 1 dos restaurantes de Buffet. A pizza e as massas são bem gostosas.

Para o nosso pequeno, ainda na recepção nos entregaram um folder com o Baby Menu. Esse Baby menu podia ser solicitado no almoço e jantar com 2 horas de antecedência de 12h para o almoço e de 18h para o jantar.

Área de lazer: o hotel é composto de muitas piscinas, que eles chamam de “parque aquático”. Não chega a ser um parque propriamente dito, mas você pode escolher ficar cada dia em uma piscina diferente. Elas são interligadas por escorregadores, que podem ser utilizados por crianças e adultos, além de terem algumas piscinas com hidromassagens junto com a piscina. O meu bebê amava quando escorregávamos com ele. Diversão garantida para pais e filhos. A parte das crianças é ótima com 2 piscinas bem grandes interligadas por um escorregador e com direito a uma espécie de túnel natural feito por árvores, com várias duchas onde as crianças passam por baixo e se divertem.

DSC06357O hotel tem Copa Baby com acesso restrito, só abre com a chave do quarto e somente para os hospedes que estão com bebês. Ela é muito limpa e equipada com filtro de água, micro-ondas, liquidificador, pia e fogão, além de cadeira de alimentação e um bercinho. Fica aberta 24h.

Para as crianças, há um Kids Club, uma brinquedoteca com piscina de bolinha, casa na árvore, um espaço para vídeos e leitura e muitos brinquedos. Sempre tem 1 monitora e crianças acima de 4 anos podem brincar lá sem a presença dos pais. Além disso, eles promovem várias atividades para as crianças durante o dia dentro da piscina.

Tem ainda um playground externo com brinquedos de plástico colocados na grama, como escorregador, balanço, etc, mas essa foi a única parte que achei meio detonada, muito em função da maresia.

Para os maiorzinhos, ele tem um bar chamado Sport Bar, equipado com Wii, Play Station, além de sinuca e pebolim.

Para os adultos, todas as noites às 21:30h tem alguma atividade com monitor: aulas de danças, bingo, qual é a musica… Além disso tudo, ainda tem uma academia, piscina aquecida, sauna e SPA. É um hotel bem completo, com infraestrutura para não precisar sair dele

 

Sobre Natal e redondezas:

Fomos almoçar em um restaurante que todos recomendam chamado Camarões. Ele tem 2 restaurantes e fomos no mais novo. Comida excelente com preço bom, ainda mais para camarão. Lá você encontra camarão de tudo que é tipo e jeito de fazer.

Alugamos um carro para conhecer os arredores de Natal. Conseguimos alugar um carro na Serra Dourada. Negociamos ainda no aeroporto quando chegamos e conseguimos uma tarifa de R$ 73,00 p/dia de um Celta com ar e direção e pagamos extra uma cadeirinha para bebê por R$ 25,00 pelo período. Eles entregaram o carro no hotel, novo e com baixa quilometragem.

Fomos até Pirangi para conhecer o maior cajueiro do mundo. É um passeio que vale a pena e quem for tem que ir. Ali tem um comercio local onde dá para comprar lembranças para família, além de castanha de caju de tudo quanto é jeito: doce, salgada, com chocolate… Demos uma volta também até a praia que é muito bonita.

Cajueiro 1Fomos até Pipa a uns 80 km e leva mais ou menos 1:30h. Lá tem muitas praias e passeios, mas como estávamos com o bebê optamos por não ficar hospedados lá, preferimos fazer um bate e volta e conhecer o que desse para conhecer com o tempo que teríamos. A cidade é pequena, não é uma cidade para se caminhar com carrinho de bebê, quase não tem calçada direito e não se vê muitas crianças. Fomos direto procurar a tal praia que parece ter golfinhos em determinados horários do dia. Não vimos nada, mas disseram que o ideal seria pegar uma escuna e dar uma volta pela região para ver os bichos. Fomos conhecer a famosa Praia do Amor. Estacionamos o carro e quando olhamos pra baixo ficamos na dúvida se deveríamos ir ou não naquela praia, que apesar de linda, é de difícil acesso. Encaramos a descida com a ajuda de um guia e descemos o morro na direção do paraíso. Ficamos lá por 2 horas em um quiosque com direito a espreguiçadeira. A praia tem vários quiosques/bares todos com cadeiras, mesas e espreguiçadeiras. O difícil mesmo foi subir de volta para pegar o carro: meu marido foi com o bebê no colo e eu subi com nossas tralhas. Fomos almoçar no Centro, em um bar na beira da praia. Comida nada demais, tanto que nem anotei o nome. Fizemos mais umas comprinhas e resolvemos voltar, pois ainda teríamos que encarar a estrada. Diria que Pipa é uma cidade mais para adultos, mas que vale o passeio quando se está em Natal.

Conhecemos também o Forte dos 3 Reis Magos. Ele fica na praia que tem um dos visuais e com a cor do mar mais bonitos que já pude ver. De lá partimos para Genipabu, onde tem as famosas dunas e os passeios de Buggy. Fomos direto para uma praia e conseguimos achar um estacionamento coberto que ficava praticamente na areia da praia, com direito a banheiros, chuveiro e uma piscina. Ali contratamos o nosso bugueiro, pegamos um passeio que durava 2:30h, e óbvio que optamos pelo “sem nenhuma emoção”. Queríamos apenas passear para conhecer as praias, lagoas, os eskibundas, tirolesas, etc. Foi um passeio gostoso, mas meu bebê ficou com medo, talvez do barulho ou do vento que vinha pelo fato do carro ser aberto. Ele se aninhou e na hora que o buggy estava andando ele dormiu. Deu para conhecer quase tudo, só não andamos de dromedário, mas isso acho que não iria nem se estivesse sem bebê! 😉

DSC06416

 

Viagem feita em março 2013: dias lindos, com muito sol e muito vento, que na verdade, traz uma sensação de conforto, e não deixa sentir o calorão que está fazendo.

DSC06344Muito obrigada Alessandra por este review! 😉

 

Para mais informações:

Sehrs Natal: fotos, avaliações e reserva BOOKING (com cancelamento grátis)*

Reserve outros hotéis em Natal pelo BOOKING (com cancelamento grátis)*

*Somos afiliados Booking, recebemos uma comissão pelas reservas feitas através do Blog. Você não paga nada mais por isso e nos ajuda a manter as melhores dicas!

Também estamos por aqui:

FACEBOOK TWITTER | INSTAGRAM | GRUPO VIAGENS EM FAMÍLIA

6947 Visualizações

Sut-Mie Guibert, Family Travel Blogger, Blogueira especializada em Viagens em Família, com crianças e bebês. Jornalista e mãe de duas meninas de 5 e 2 anos, adora levar as crianças para conhecer o mundo! Mas também gosta de escutar e falar sobre o assunto com outras famílias, que são sempre bem-vindas por aqui!

6 comentários para este artigo

  1. KATIANE disse:

    OIIIIII!!! PODE ESPERIMENTAR ESSE HOTEL NO ANO PASSADO, E O QUE POSSO DIZER QUE ELE E MARAVILHOSOOOOOOO… TUDO QUE MINHA FILHA DE 5 ANOS QUERIA. QUANDO PROCURO HOTEL, PROCURA UM QUE POSSA DA LAZER A ELA. ELE E TÃO MARAVILHOSO QUE MINHA FILHA PEDIU PARA VOLTAR!!1 E ESTAMOS COM RESERVA PARA ELE NOVAMENTE AGORA EM OUTUBRO, VAMOS PASSAR A SEMANA DA CRIANÇA LA. VOCÊS ESTÃO DE PARABÉNS EQUIPE SERHS GRAND HOTEL.

  2. RENATO disse:

    ESTIVE EM FEVEREIRO DE 2013 COM MINHA ESPOSA E 2 FILHOR 07 12 ANOS, E ESTE HOTEL DE FATO É SENSACIONAL!! VALE MUITO CONHECER.

    ESTOU PENSANDO EM IR EM FEV DE 2014 A PORTO DE GALINHAS, ALGUÉM INDICA UM BOM HOTEL??

  3. Simone Armani disse:

    Olá, tudo bem?
    Pretendo fazer uma viajem com minha filha de 3 anos e meu marido em Janeiro/2014, mas não consigo decidir o destino. Estou em duvida entre Natal, Praia do Forte e Porto de Galinhas. Estou gravida de 5 meses e queria um lugar que eu pudesse desfrutar de um resort, mas tambem ter alguns passeios para fazer fora do resort. É a primeira vez que viajo com minha filha, estou muito insegura, e queria uma ajudinha de vcs. Bjos.

    • Sut-Mie Guibert disse:

      Olá Simone,
      Como vc está grávida, dessas opções que vc deu eu já tiraria Natal, que tem passeios bacanas, mas “com emoção”, dunas, praia de Pipa com falésias onde tem que descer e subir escadas enormes… Adoro a cidade e claro que dá para conhecê-la sem aventura, mas as 2 outras opções são mais planas e mais fáceis!
      As suas 2 outras opções são excelentes, vc pode escolher em função dos horários e preços de voos (eu não sei de que cidade vc sai).
      – Praia do Forte tem o Projeto Tamar, excelente para a sua filha, tem uma Vila pequena muito boa com restaurantes, lojinhas… e 2 grandes excelentes resorts: Iberostar ou Tivoli! Se achar os preços salgados, também pode optar por uma pousada boa com excelente serviço: veja as opções de pousadas kids friendly na Praia do Forte e o post sobre a Praia d Forte.
      – Porto de Galinhas também é excelente (fui para lá nas minhas 2 gravidezes): água morna, praia infinita na maré baixa, piscinas naturais (mas vc, grávida, deve tomar cuidado para não escorregar)! A Vila em si é mais “muvucada”, bagunçada, menos charmosa que Praia do Forte que é mais organizada, mas também tem lojas e restaurantes. Veja as opções de resorts kids friendly.
      Veja também nosso post de Porto de Galinhas.
      Temos também um post com dicas para viajar grávida e sobre a sua filha de 3 anos: veja as dicas aqui, aqui
      Um abraço, divirtam-se, tanto Praia do Forte quanto Porto de Galinhas são uma delícia!

Deixe seu Comentário





* Campos obrigatórios