Ficou fácil viajar com crianças!

Buenos Aires com crianças: Museu Participativo de Ciências – Proibido não tocar!

E tem alguma criança (ou adulto) que resiste à uma chamada dessas: “Proibido não tocar“? Buenos Aires tem um Museu de Ciências pequeno e interessante onde as crianças podem aprender princípios da física, química, Sons, efeitos da Natureza, Corpo Humano…mexendo, experimentando e brincando. Um programa ideal porque é curto, divertido, barato e casa bem com outros passeios já que o Museu fica ao lado ao lado da Basílica Nuestra Señora del Pilar, em plena Praça da Recoleta que, em si, é um ponto turístico obrigatório!

BUE9O Museu Participativo de Ciências se divide em dois andares e vários setores mas, assim que chegamos, o funcionário nos indicou, em função da pouca idade das crianças, subir diretamente para o 2 andar onde as exposições interativas eram mais interessante para elas.

Museo Proibido No TocarMuseo Proibido No TocarFoi uma boa dica porque, efetivamente, as crianças começaram a mexer em tudo (enquanto que no 1 andar, as explicações são mais conceituais): descobriram como se formam as ondas, como acontece um tornado, as ondas eletromagnéticas… algumas coisas eram difíceis para elas, mas o divertido era apertar os vários botões e descobrir o funcionamento das coisas. As explicações são em espanhol mas é tudo tão interativo que nem precisa entender a língua. E as crianças saem pulando de atração em atração, super curiosas.

Museo Proibido No TocarMuseo Proibido No TocarO Museu é bem interessante para adultos também e há grandes riscos da família se dividir: uns ficarem ocupados com uma atração enquanto outros já foram para a sala ao lado…cuidado com as crianças, alguns espaços são escuros para os efeitos ficarem mais visíveis.

Museo Proibido No TocarO Museu fala que é destinado aos 4 a 100 anos, mas mesmo a nossa pequena de 3 anos curtiu! Talvez motivada pela mais velha, mas dependendo de como os adultos interagem com a criança, pode ser divertido descobrir os sons, os efeitos de espelhos! 😉

Museo Proibido No TocarMuseo Proibido No TocarMuseo Proibido No TocarNós já havíamos estado em Buenos Aires e tínhamos pulado esse programa, achando que fosse ser chato. Mas, motivados pelo post da Silvia Oliveira no Blog Matraqueando, pudemos conferir e confirmar que é bem divertido para adultos e crianças. O Proibido Não Tocar ainda fica dentro do Centro Cultural Recoleta Junin e quando estivemos por lá, havia uma bela exposição gratuita de fotos no térreo. No final, um espaço e passeio agradável para todos!

 

OBSERVAÇÕES:

==> É um Museu pequeno. Não se compara ao Espaço Catavento em SP ou Museu Interativo de Santiago, que são maiores e melhores. É bom saber disso para alinhar expectativas. Mas nós gostamos justamente por ser pequeno. Um espaço lúdico para uma brincadeira rápida. Ainda mais na Recoleta, onde não há nada especificamente infantil.

==> Como estávamos passeando na Recoleta, levamos o carrinho, o que não foi um problema porque o Museu tem elevador.

==> Em frente ao Espaço Cultural, há um cafézinho mas melhor mesmo é tomá-lo nos terraços dos Cafés do Buenos Aires Design ao lado, ou tomar um sorvete do outro lado da Praça Recoleta, na Sorveteria Persicco: uma das melhores de Buenos Aires! Todos os sabores de doce de leite são imperdíveis!

==> Note que aos finais de semana, o Museu abre às 15h30! E durante a semana nas férias, às 12h30. Podem programar almoçar na Praça, bem na esquina, no La Biela: um restaurante clássico, inspirado e decorado com mecanismos de carros e onde servem o famoso bife de chorizo.

Para mais informações:
Proibido No Tocar: mpc.org.ar
Espaço Cutural Recoleta Junin, na Praça da Recoleta
Fechado às segundas-feiras!
De terça à sexta: das 10h às 17h (durante as férias, à partir das 12h30)
Aos finais de semana e feriados: das 15h30 às 19h30
Preço: $50 (pesos argentinos) = R$13,50 na cotação de hoje.

Leia também:
Onde ficar em Buenos Aires com crianças?
Buenos Aires com crianças: as atrações infantis bairro a bairro
Museu de los Niños, imperdível com crianças
Livraria El Ateneo

Também estamos por aqui:

FACEBOOK TWITTER | INSTAGRAM | GRUPO VIAGENS EM FAMÍLIA

6755 Visualizações

Sut-Mie Guibert, Family Travel Blogger, Blogueira especializada em Viagens em Família, com crianças e bebês. Jornalista e mãe de duas meninas de 5 e 2 anos, adora levar as crianças para conhecer o mundo! Mas também gosta de escutar e falar sobre o assunto com outras famílias, que são sempre bem-vindas por aqui!

3 comentários para este artigo

  1. Ivana disse:

    Oi Sut. Confesso que achei esse museu tão sem graça. Principalmente porque já conhecíamos a Estação Catavento de São Paulo, que na minha opinião é bem superior. Achei o de BsAs muito acanhado e algumas experimentos bem ultrapassados. Tanto que nem recomendo pra quem me pede dicas de passeios com crianças por lá. bj

    • Sut-Mie Guibert disse:

      Oi Ivana,
      Verdade! Se comparar com a Estação Catavento ou outros Museus de Ciências de fora, ele é bem menor. Mas justamente por isso achei gostoso: passeio rápido, despretensioso e para crianças pequenas, interessante ainda assim. E é o único programa realmente infantil para quem faz o passeio pela Recoleta: tem a Praça, os cafés e restaurantes, a Catedral, o Cemitério, o Shopping Design… e o Museu de Ciências para dar uma quebrada e a criança poder se divertir além de correr na Praça! 🙂

      Mas entendo a comparação inevitável com outros museus (SP, Santiago) e nesse caso, efetivamente, ele fica aquém. Depende se a criança já visitou outros ou não, se curte esse tipo de interação…
      Bjs

  2. Amei a dica…
    Agora em novembro vou com minha filha de 2 anos e 5 meses (e meu marido é claro, rs) para Buenos Aires. Vamos passar 6 dias pr lá para curtir a cidade.
    Já fui uma vez a BA, mas não tinha filhos. Meu marido nunca goi.

    Vi que tem muitas opções de atrações para crianças por lá!

    Beijos,
    A Mãe da Estela

Deixe seu Comentário





* Campos obrigatórios