Ficou fácil viajar com crianças!

OUIGO: o trem low cost entre Paris e Sul da França!

Na nossa última viagem à França, aproveitamos para testar essa novidade: o Ouigo, trem low cost que liga Paris ao Sul da França! E quando digo low cost, é precinho mesmo: as crianças, por exemplo, só pagam 5 euros até os 12 anos! Mas vamos por etapas que eu vou contar tudo!
Assim como existem as companhias aéreas low cost (de baixo custo), a RATP, companhia de trens francesa, lançou a versão nos trilhos, o TGV (Trem de Grande Velocidade) mais barato. O “Oui-go” com nome bem bolado que significa “sim, vai” ou foneticamente “nós vamos“, é simpático, colorido, voltado para um público jovem e despojado!

Tudo começa pelo visual e astral da empresa: é colorida, toda azul e rosa, com uma diagramação visual bem simpática, jovem, atrativa! É tudo muito simples e prático, desde a compra por internet e embarque.

diapo1-ouigo4_1440x1079_strate_recadreCaptura de tela 2014-09-05 às 11.35.40=> A compra por internet:
Primeiro vamos falar de preços: as crianças abaixo de 12 anos pagam somente 5 euros/trecho! Isso mesmo, 5 euros para ir para o Sul da França ou ao contrário, para dar um giro por Paris! E isso sempre: o preço infantil não muda, independente do período! Além disso, elas tem direito ao seu próprio assento, não vão no colo.
Os adultos custam à partir de 10 euros! À partir de“, porque quanto mais cedo você pegar a sua passagem, melhor! Ela começa em 10 euros, e vai subindo. Quanto mais se aproxima da viagem, mais cara fica. E depende do dia também (domingo, geralmente é mais caro). Ainda assim, não vi nada absurdo: passagens à 45 euros, 65 euros…mas claro, podendo pagar 10 euros, melhor! Nós viajamos para o Sul pagando 15 euros/adulto e 5 euros/criança!
Assim como nas low costas aéreas, tem um limite de peso e tamanho de malas: a bagagem incluída no bilhete é pequena e tem que caber no bagageiro ou debaixo do seu assento. A boa notícia é que carrinhos de bebê não contam e podem ser levados gratuitamente!
bagages-ouigo Outra opção é acrescentar bagagem extra (sem limite de tamanho) e se isso for feito na hora da compra do bilhete, fica mais barato: 5 euros/bagagem ou 10 euros se for decidido depois. Isso aconteceu conosco e é uma boa opção: você consegue entrar depois na reserva e acrescentar malas (tivemos que fazer isso na volta, em função das lembranças compradas no Sul)!
Na hora da compra, o site também dá opção de escolher assentos com tomadas, por 2 euros à mais! Excelente para trabalhar com o computador, para as crianças verem um filme no DVD, Ipad, carregar o celular… (obs: verifique suas tomada e veja se precisa de adaptador)!
foto(101)-001Com esses extras à parte, a passagem para um adulto pode ficar em: 10 euros + 5/bagagem extra + 2/tomada = 17 euros/trecho (49 reais)! Ai, ai!! (suspiros..)
Caso você não tenha optado por bagagem extra na hora da compra mas no embarque decidiu levar mala, você tem a opção de entrar novamente na sua reserva até 1 dia antes da viagem e optar por pagar por ela, fica mais caro, 10 euros/bagagem ou se for na hora do embarque mesmo, 20 euros/bagagem (aí, já começa a ficar caro). Por isso, preste atenção porque eles verificam mesmo! A bagagem incluída no preço do bilhete tem que entrar nas medidas autorizadas como “bagagem cabine” (ver medidas na foto acima, incluindo rodinhas e puxador)! Se ultrapassar as medidas ou tiver mala extra, paga. Esse é o jogo das low costs!
foto(104)-001foto(109)Note, no entanto que o Ouigo ainda não aceita cartões de crédito do Brasil! 🙁 Já existe uma lista de países estrangeiros que podem fazer essa compra, basicamente europeus + EUA mas, infelizmente, o Brasil ainda não está incluído! Então você só poderá viajar de Ouigo se tiver algum cartão estrangeiro ou alguém que possa fazer a compra para você!
Com a passagem comprada, é só imprimi-la ou melhor ainda, baixar o aplicativo gratuito Ouigo (Iphone ou Android), assim nem precisa imprimir, é só mostrar o código QR da reserva no celular!

=> O embarque: é tudo muito simples e informal. Os funcionários são jovens, de jeans, com camisetas e bonés nas cores do Ouigo. Eles verificam os bilhetes, medem eventualmente as malas…e você entra sozinho no trem, procura o número do seu vagão que fica do lado de fora, do lado da porta. Sistema low cost: custos baixos, pouco serviço e cada um se vira! 😉

foto(103)-003foto(108)-001=> Dentro do trem
O trem é bem confortável, equivalente à um vagão 2a classe do TGV clássico e como está nas cores da empresa, fica bem alegre! As malas maiores ficam na entrada ou saída do vagão. Além disso, tem mesas de apoio para desenhar, colocar o lap top…No meio do vagão, há 4 lugares virados uns para os outros com uma mesa central, ideal para famílias ou grupos mas faz parte do low cost: não tem como reservar, é na sorte mesmo! Ou, se o trem estiver vazio, pedir para um atendente Ouigo se é possível trocar.

OuigoOuigoOuigoAs características que lembram que é um trem low cost:
– Não tem wifi,

Você não escolhe os assentos (portanto, pode acontecer de pessoas que viajam juntas, ficarem separadas: isso é possível em datas concorridas, mas é raro. E se for o caso, tem que pedir para alguém amável trocar de lugar)!

– Os encostos das poltronas, apesar de serem confortáveis não reclinam,

Não tem vagão-bar, portanto não se esqueça de levar um lanche e água para as crianças!

– Há poucos funcionários e eles passam pelos vagões.

– O Ouigo usa uma comunicação interessante, que incentiva a participação das pessoas: “Oui à camaradagem: eu ajudo quem precisa“, “Oui à limpeza: eu ajudo e levo o meu lixo“, “Oui ao respeito: eu uso headphones para não incomodar os outros“, etc…

E, detalhe para as famílias: os banheiros e trocadores são apertados como dentro de um avião! Se a criança for pequena, vale levar fraldas ou penico de viagem! 😉

foto(99)-001

Em função dessas características, o público em geral é jovem, mas tem também muitas famílias! Lembrando que a estação de onde partem o TGV Ouigo de Paris é Marne-La-Vallée-Chessy, a estação onde fica a DISNEYLAND!

=> Rotas: observe

que a estação de Paris fica na verdade FORA de Paris, à uns 45 mn de RER (metrô rápido) do centro da capital. No mesmo estilo das low costs aéreas: você tem que contar o tempo e orçamento para ir para o centro.

Para as famílias, é bem interessante que seja a estação da Disneyland, pois permite passear no parque e, no final do dia, pegar o trem! Foi o que fizemos, com o detalhe de que chegamos no dia anterior, jantamos no Café Mickey para tirar fotos com personagens, dormimos lá, fomos ao parque e, no final da tarde, embarcamos de trem para Aix en Provence! (Note os seus horários de chegada ao destino. Como queríamos pegar um carro alugado na estação de Aix, tínhamos que chegar antes das 22h30, horário em que a locadora fechava).
Você também pode chegar de Londres pelo Eurostar (que também vai para Marne-La-Vallée-Chessy), passar o dia na Disneyland e embarcar no final do dia para o Sul!

No trajeto contrário também é muito interessante, você pode estar no Sul da França, na Itália, no Norte da Espanha…e querer passar 2 dias na Disneyland ou alguns dias em Paris! Prático!

Atualmente, os trajetos são Marne-La-Vallée-Chessy (Disneyland) – Lyon, cidade linda e bem localizada para as estações de esqui! Portanto Ouigo é muito prático no inverno também!
E Marne-La-Vallée-Chessy (Disneyland)- Sul da França (Marseille ou Montpellier, passando por Avigon, Aix en Provence, Nîmes…perfeito no Verão e Primavera!

destinations-ouigo-large=> Vale à pena? Comparando com o TGV normal:
O Trem de Grande Velocidade (TGV) e a velocidade são os mesmos, portanto o trajeto leva o mesmo tempo. O que varia são os serviços dentro: o Ouigo, low cost, oferece o básico. Sendo que o básico na França é bem bom, ainda mais comparando com o Brasil onde não existe uma malha ferroviária! Mas se você procura um pouco de luxo, conforto e serviços, Ouigo não é para você.
Sobre preços: no Ouigo, eles começam em 10 euros (ou 15, se acrescentar 1 mala) e no TGV normal, começam em 35 euros (às vezes há promos de 20 ou 25 euros). Se você conseguir pegar uma promo no TGV normal, pode até valer mais à pena, porque este vai até o centro de Paris (o que não acontece no Ouigo)!
Outra variante a levar em conta: os horários. Eu achei que Ouigo tem bastante opções! Mas pode ser que você prefira os horários do TGV normal…

Uma experiência no geral muito positiva! Achamos genial passar o dia na Disneyland e em 3h (sim TRÊS HORAS) estar no Sul da França e poder aproveitar todo o charme da região, ver campos de lavanda e ir à praia. Ideal para passar um final de semana ou feriado prolongado. E isso, pagando esse preço! Imperdível!

Para mais informações:
Ouigo (em francês ou inglês): ouigo.com | Facebook | twitter | instagram

Também estamos por aqui:

FACEBOOK TWITTER | INSTAGRAM | GRUPO VIAGENS EM FAMÍLIA

 

3756 Visualizações

Sut-Mie Guibert, Family Travel Blogger, Blogueira especializada em Viagens em Família, com crianças e bebês. Jornalista e mãe de duas meninas de 5 e 2 anos, adora levar as crianças para conhecer o mundo! Mas também gosta de escutar e falar sobre o assunto com outras famílias, que são sempre bem-vindas por aqui!

4 comentários para este artigo

  1. Diego Paiva disse:

    Sut-Mie! Que ótimo saber dessa opção!

    Não tive oportunidade (ainda) de viajar de trem na França, mas gostei muito da experiência na Espanha.

    De low cost na Europa, só conheço a cia aérea Vueling, que usei e recomendo muito! Paguei incríveis 35 euros para voar de Lyon a Barcelona, nos aeroportos “oficiais”, despachando uma bagagem e marcando assento. Recomendo, caso precise. 🙂

    Beijos!

  2. Sonia Regina Rocha Rodrigues disse:

    Os trens europeus são ótimos, e esse Ouigo é um presente! Vale a pena.

  3. Sandra disse:

    Adorei o texto, muito esclarecedor. Pena que não aceitam cartão do Brasil, mas nem comprando por lá em cash? tem como comprar na hora?

Deixe seu Comentário





* Campos obrigatórios