Ficou fácil viajar com crianças!

Para pernoitar no Parque Torres del Paine será necessário fazer reserva a partir deste mês

A medida será para quem quiser pernoitar no local. Há um link especial para reservas nos acampamentos Italiano, Torres e Paso, que está disponível no site www.parquetorresdelpaine.cl. Para aqueles que visitarem o parque nacional durante o dia, não será necessário fazer a inscrição.

patagonia_torresdelpaine_franciscacheyre2

Este ano, a Corporação Nacional Florestal (Conaf) começou o processo de reservas de pernoite no Parque Nacional Torres del Paine. A iniciativa é válida para os acampamentos Italiano, Torres e Paso, espaços gratuitos que são geridos pela instituição.

A plataforma de reservas para estes acampamentos foi divulgada no site www.parquetorresdelpaine.cl. As reservas podem ser feitas somente para uma noite em cada lugar, são nominais e intransferíveis. Os dados devem incluir nome completo, e a inscrição é individual ou para duas pessoas. Por isso, o Conaf não aceitará reservas para grupos. A instituição informou, também, que as reservas serão exigidas a partir de 15 de outubro deste ano.

A medida

No caso dos outros acampamentos, também serão necessárias reservas a partir deste ano. Devido ao grande número de turistas que o Parque Nacional recebe, a proposta visa garantir a vaga do visitante. Isso deverá ser feito de forma direta pelos usuários nos sites das empresas Fantástico Sur (campings Serón, Los Cuernos, El Chileno, Central e Francés) e Vértice Patagonia (campings Paine Grande, Grey, Dickson e Los Perros). De acordo com a informação fornecida pela Fantástico Sur, a empresa também contará com um ponto de atendimento dentro do parque, onde os visitantes que não fizeram a reserva online poderão ver a disponibilidade.

O objetivo da medida é garantir a qualidade da experiência dos visitantes, e também a proteção dos recursos naturais e culturais que existem nas áreas onde se encontram as trilhas. “Na temporada passada recebemos 220 mil pessoas. A entrada disparou e, por isso, tivemos que limitar os acessos. A plataforma na web permitirá reservar e pagar”, explicou María Elisabeth Muñoz, diretora do Conaf da região de Magallanes e da Antártica Chilena, ao jornal La Terceira.

Na temporada 2015-2016 houve uma superlotação sem identificação prévia, que superou 80.000 acomodações. Em comparação com o mesmo período no ano passado, somente em janeiro deste ano foi registrado um aumento de 15,6% no número de turistas nas duas rotas com acampamentos disponíveis: a “W”, com uma extensão de 76,1 quilômetros que são percorridos em quatro dias, e a “O”, com um comprimento de quase 93 quilômetros, que podem ser percorridos em uma média de sete dias.

Esta é uma medida que permitirá respeitar as capacidades do Parque Nacional Torres del Paine, que ajudará na sua preservação e no seu cuidado, para que continue sendo uma das atrações de destaque do Chile”, disse a gerente geral do Turismo do Chile, Debbie Feldman.

A medida será aplicada durante a alta temporada – entre outubro de 2016 e março de 2017.

 

*Com informações e fotos da Assessoria de Imprensa

 

Leia também:
Santiago com crianças
Valle Nevado com crianças
Ilha de Páscoa com Crianças
Lagos Andinos, parte 1
Lagos Andinos, parte 2
Lagos Andinos, parte 3

1402 Visualizações

Sut-Mie Guibert, Family Travel Blogger, Blogueira especializada em Viagens em Família e com crianças. Jornalista e mãe de duas meninas de 10 e 6 anos, adora levar as crianças para conhecer o mundo! Mas também gosta de escutar e falar sobre o assunto com outras famílias, que são sempre bem-vindas por aqui!

Deixe seu Comentário





* Campos obrigatórios