Ficou fácil viajar com crianças!

Itacaré com crianças: dicas e roteiros para a família

Itacaré fica na Costa do Cacau, no Sul da Bahia, a 70 Km ao norte de Ilhéus. O caminho mais fácil é pegar um avião até Ilhéus (2h30 de vôo, com conexão de 30 mn em Salvador) e de lá, alugar um carro ou pegar o traslado do Hotel ou da pousada. Como Itacaré se estende em várias praias, melhor mesmo é ter um carro, ainda mais com criança. Nós achamos um aluguel pela internet com bebê conforto (não esquecer!) e ar condicionado, pois faz calor e ainda falta uma hora de trajeto!

Ficamos 1 semana e adoramos:

As Praias, uma mais linda que a outra, rodeadas de coqueiral e Mata Atlântica! São várias praias, e tem para todos os gostos: pequenininha (São José, Tiririca, Ribeira), suuuper extensa (Itacarezinho), com água quente, calma e rasinha (pelo menos nessa época do ano! Mas informar-se antes de ir, pois normalmente Itacaré é um pico de surf!). Final de maio, dava para deixar as crianças soltas sem problemas!

Piscina “natural” na Praia de Itacarezinho…apesar do nome!

Para visitar Itacarezinho paga-se uma entrada, já que ela está localizada em área privada (prever dinheiro trocado) e tem-se acesso à praia e a um restaurante para almoçar. Na praia da Ribeira também tem estrutura para ficar e almoçar e ela leva esse nome por ter um riacho que desemboca nela, o que diverte a garotada e oferece uma opção para os que não gostam de ondas. Na cidade, a praia da Concha é a que mais tem estrutura, restaurantes, barzinhos, mas em contrapartida é bem mais cheia. Existem outras praias que não conhecemos por ter que fazer trilha, não aconselhável para crianças pequenas. Mas como as opções eram tantas, deu para variar e ainda ter uma razão para voltar com a nossa filha maior!

Ver Marias Farinhas: em diversas praias há muita Maria Farinha, pequeno caranguejo branco, um laboratório oceânico à céu aberto.

 

a Cachoeira de Tijuípe: um pouco mais afastada do resto, portanto só dá para ir de carro ou de excursão, mas vale à pena. Não fiquem impressionados com a trilha de acesso, ela é pequena e totalmente realizável. Levem dinheiro trocado, pois a entrada é paga:R$7. A cachoeira fica num espaço muito bonito, ela é larga, dá para tomar banho, e tem uma boa estrutura de lazer com restaurante. Uma boa opção para variar da praia, onde se passa tranquilamente uma manhã ou tarde bucólica.

Ver o Pôr do Sol no mirante da Praia da Concha: um pouco demorado para crianças pequenas, melhor chegar em cima da hora e se conseguirem mantê-las interessadas, elas vão gostar de ver o “Sol sumir”!

Conhecer as piscinas naturais de Taipus de Fora: em geral, trata-se de um passeio agendado que leva o dia inteiro. Como a estrada para lá ainda não é boa, o acesso é feito por jipe 4×4 (em si uma aventura), para chegar em piscinas naturais maravilhosas. O passeio é muito bacana para crianças maiores que já curtam e saibam mergulhar. Para as menores, o carro sacode demais na estrada, é longe (quem foi levou 3h) e o lugar tem pouca estrutura para bebês (pouca sombra).

Resort: nós ficamos no Itacaré Village, localizado dentro do condomínio Villas de São José, de frente para a praia de mesmo nome. Ao lado, existe o Itacaré EcoResort, e ambos dividem o espaço de lazer; mas temos que confessar que com criança, fizemos a boa escolha, pois a praia fica bem em frente ao restaurante. Chegando de carro, ele deve ser deixado no estacionamento e uma van vem nos buscar. Depois disso, férias total MESMO, sem carro, barulho, ou celular que pega. Dentro do condomínio (enorme), só se anda a pé, nas vans dos Resorts ou com carrinho de golfe: sensação de estar na Ilha da Fantasia!

Praia de São José

Visitar a mini Fazenda de Cacau dentro do condomínio: uma fazendinha acolhedora, onde a proprietária e suas filhas, ainda colhem o cacau e fazem “chocolate orgânico”. Elas explicam tudinho: como se colhe o cacau, como seca, como é moido…isso tudo para virar o chocolate! Uma verdadeira aula com direito a provar tanto a fruta quanto o produto final! As crianças adoram! Fora que as explicações são dadas do lado de fora, em frente à um lago onde está a outra grande atração: Doddy, o jacaré que gosta de pão de queijo!! A proprietária traz uma cesta com pães de queijo, e a criançada se precipita para jogar a iguaria para o bicho no meio do lago; o auge da diversão, claro, é quando ele vai buscar (que nem cachorro!) e come. E não é que ele gosta mesmo?!  No final, ainda tem uma lojinha, com vários chocolates para levar de lembrança! Uma boa dica! Só prever dinheiro miúdo; obviamente, elas não aceitam cartão de crédito!

Andar de carrinho de golfe no condomínio: do quarto para o lobby, mas principalmente, para ver a Prainha, do lado, a Fazenda de Cacau ou a criação de Emas. Os pequenos têm a sensação de estar fazendo um rally nesse carro aberto!

Praia de São José em frente ao Resort

E ainda adoramos: o Resort como um todo é maravilhoso! Ele fica de frente para a praia que é pequena, o que oferece muita privacidade. Para os que não estão hospedados e querem conhecer, eles têm um sistema de Day Use, paga-se uma taxa para conhecer as duas praias, São José e Prainha (valem à pena!) e curtir as instalações.  O Clubinho tem área para desenhos, massinha, livros, TV para os menores ou em caso de chuva, e um terreno enooorme para jogos ao ar livre, debaixo dos coqueiros, além de um parquinho bem simpático. Os monitores foram atenciosos, e a programação é extensa: aulas de surf para os maiores, canoagem, visita de uma piscina natural, trilha, etc…

O restaurante (meia pensão: café da manhã e jantar) tinha menu especial para crianças (em quantidades de gente grande!). O condomínio é enorme e se decidirem não alugar carro, dá para passar ali uma semana tranquilamente já que muitas opções de lazer estão dentro dele (2 praias, Fazenda do Cacau, Clubinho). E para conhecer as outras praias, pode-se agendar excursões de um dia inteiro. Se for para a cidade (o condomínio fica mais afastado), o Resort disponibiliza vans, com horários de ida e volta. Além disso, enquanto estávamos lá, o Village estava contruíndo uma piscina bem de frente para a praia e para o Clubinho ou seja, com crianças maiores, os pais conseguem ficar na piscina, de olho nos seus pimpolhos.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Gostamos menos:

da decoração dos quartos, acolhedora, porém mais simples em relação ao resto. O menu de criança também poderia variar e para remediar à isso, conhecemos pais que levaram o seu filho para jantar no restaurante do EcoResort que também tinha menu de crianças (uma opção!). E para um Resort com tanta estrutura para pimpolhos, faltou também uma copa para bebês com livre acesso, mesmo se o pessoal era muito atencioso e lavava a mamadeira!

A cidade de Itacaré em si também deixou a desejar com suas construções desordenadas de pousadas, uma rua principal com lojas parecidas e produtos de baixa qualidade. Tudo muito simples mas principalmente sem o charme de outras cidades da Costa. A região é naturalmente muito bela, mas a cidade merece mais investimentos.

Mesmo assim, é uma viagem maravilhosa para quem gosta de natureza e praias!

 

Viagem feita em Maio de 2009: o tempo não estava firme, um pouco chuvoso…mesmo assim tivemos uns belos dias de sol, com calor, mas o mar não ficou tão azul e transparente.

 

Para maiores informações:

Itacaré: www.itacare.com

$$$$$ Itacaré Village: itacare.travel/pt/resort-itacare-village-hotel

$$$$$ Itacaré EcoResort: fotos, avaliações e reserva Booking (cancelamento grátis)*

Ver outras Pousadas em Itacaré: fotos, avaliações e reserva

Para aluguel de carro: Reinaldo Costa www.nininhorentacar.com.br logo na saída do aeroporto.

* Somos afiliados Booking e recebemos uma comissão pelas reservas feitas

Também estamos por aqui:

FACEBOOK | TWITTER | INSTAGRAM | GRUPO VIAGENS EM FAMÍLIA

2139 Visualizações

Sut-Mie Guibert, Family Travel Blogger, Blogueira especializada em Viagens em Família, com crianças e bebês. Jornalista e mãe de duas meninas de 5 e 2 anos, adora levar as crianças para conhecer o mundo! Mas também gosta de escutar e falar sobre o assunto com outras famílias, que são sempre bem-vindas por aqui!

4 comentários para este artigo

  1. Menina, sabe que Luísa já foi 2 vezes à Itacaré, e nós, 5…hahahaa….todo janeiro vamos pra lá, por conta de um evento Internacional de capoeira que acontece em Ilhéus. Aí chegamos sempre 1 ou 2 semanas antes do evento pra passear, e claro, a essa alturado campeonato, rever os amigos !! É tuuudo de bom….Morro de SP e Maraú são demais também. Aliás, Maraú tem un dos mares mais lindos que já vi !!!
    Beijo enorme
    Fe

  2. elma disse:

    Olá, acabamos de voltar de um viagem com as crianças por Itacaré. Achamos liiiiiiiindo! Seu blog está de párabéns. DÊ uma olhadinha no nosso tbm! Sinta-se a vontade para comentar e se quiser coloca-lo entre os seus blogs de referncia para viagem com os filhos ficarei honrada!
    Bjos

  3. Karina Bravin disse:

    Também fiz essa viagem ! E pela 3ª vez. Adoro as praias, mas também acho que a cidade deixa muito a desejar.A prestação de serviços também é precária. Havia muito lixo espalhado pela cidade, que favorecia o aparecimento de moscas e etc… Mas se você conseguir suportar esse “detalhes” vale a pena o passeio com toda certeza.

  4. Que delícia esse post! Fomos passar a virada do ano em Itacaré e amamos o local! cada praia mais linda que a outra! Muito legar ver essa viagem sendo feita com os pequenos! Muitos nos perguntam no instagram se é recomendado ir a Itacaré com crianças!
    parabéns pelo blog, estamos adorando!

    Bjos!
    quel

Deixe seu Comentário





* Campos obrigatórios