Ficou fácil viajar com crianças!

#DiadasCriançasViajantes: você sabe que tem um pequeno viajante em casa quando…

Filho de peixe, peixinho é“…”A fruta nunca cai muito longe da árvore“…são ditados que poderiam ser usados para descrever as crianças de famílias que amam viajar! Crianças que crescem já cheias de brincadeiras e hábitos viajantes e com muita sede de descobrir novos horizontes!
Hoje é o Dia das Crianças e me deu vontade de lembrar os sintomas divertidos das nossas meninas porque, afinal, é tudo de bom descobrir e se aventurar juntos e não há melhor presente que oferecer: o Mundo!

Você sabe que tem um pequeno viajante em casa quando…

– Aos 2 anos e pouco de idade, a sua filha tem fixação pela mala de viagem dela! Uma malinha que ela faz questão de puxar sozinha pelos aeroportos e que ela sempre quer despachar (ela nunca entendeu porque a mala dela era a única a não ser despachada e chegou a chorar por isso)! E, na chegada, tínhamos que colocar a malinha dela para rodar na esteira e após uma volta, ela mesma queria pegá-la que nem gente grande, o que fazia sorrir as pessoas à nossa volta!

Clara viajante 2 anos– Aos 2 anos ela não pode ver uma antena de TV que fala que é a Torre Eiffel;
– Ama pegar um avião, se sente completamente à vontade e aos 3 anos ensina a avó (pouco viajada) a fechar o cinto 😉
– Desde os 4, folheia e curte os guias infantis da Lonely Planet. No início, ela não sabia ler ainda, só folheava. Hoje, ela os lê com atenção e pergunta o que não entende.
– Aos 4 anos desenha a casa e os jardins de Monet, em Giverny, com o detalhe da Ponte Japonesa…

– Aos 4, pergunta “quando vamos ver o Cristo que tem o braço levantado e um monte de buraquinhos na cabeça”?
– Desenha passaporte e brinca de viajar com as cadeiras enfileiradas como se fosse o avião ou, agora com a irmã, adora brincar com malas…

– E ainda, contaminou a irmã porque ambas não podem ver um mapa, que começam a procurar, estudar…

Pimpolhos na Tailândia

Outras famílias nos contaram os causos de suas crianças, um dia que o assunto surgiu no nosso grupo FB de Viagens e Família:

A Cris Campos do Blog No Place Like Here:
“Alerta: viajar muito com criança pequena causa transtornos de personalidade!
Meu filho de 2 anos pega um lápis e um papel e começa a rabiscar, quando vê no rabisco uma forma irregular e comprida aponta e diz: Chile! (aconteceu hoje!) .. Ele abre uma revista (qualquer revista) e já vai procurando o mapa. Fecha a revista quando não encontra e quando encontra o mapa mundi numa dessas revistas de avião logo vai apontando: “Basil” (Brasil), “Ândia” (Nova Zelândia), “Chile”, “Índia”, “Panha” (Espanha)… mostrando com o dedinho. Quero mostrar pra ele os desenhos dos bichinhos na revista, mas ele só quer saber do tal do mapa. .. Chegando exaustos de uma jornada de mais de 30 horas em 4 aviões seguidos, esperas em aeroporto etc ele esperneia no último aeroporto dizendo que não quer ir pra casa, quer comer no aeroporto e entrar em outro avião. É grave!

“Theo sempre quer puxar a mala de mão sozinho pelo aeroporto… a mala é quase do tamanho dele!”

“A primeira palavra que o meu filho disse, aos 10 meses, foi “tchau-tchau”, a segunda foi “avião”! Com 1 ano e 9 meses, depois de ficar 3 meses parado em casa, ele pedia “jiajá, jiajá” (viajar, viajar), “vc quer viajar, filho?”… “siiiim!”. Peguei as malas hoje pra guardar e ele não queria deixar, dizia “mala, carro, viajar mais!”. Socorro, estamos criando mini monstros!”

A Luciana Bordallo Misura do Blog Colagem:
“A brincadeira preferida da Julia é viajar. E o Eric atualmente quando eu digo “vamos passear” ele diz logo: “vamos pro hotel?”

A Emmanuelle Tessinari do Blog Cup of Things conta que “a Olívia não pode ver um avião no céu que fala: “mamãe, mamãe avião! Vamos viajar?”

A Dani Zinha conta: “o daqui com 2 anos e 5 meses voltou encantado com o “tiângulo do Luve” e com o “Big Ben”. Sem contar que ele ficou admirado com a “Turre Ifel” quando a viu pessoalmente! Ele sempre via nos Carros 2 e no Ratatouille”

A Erica Piros Kovacs do Blog Viagem com Gêmeos: “outro sinal: há 2 meses avisei que iríamos pegar o avião. Me perguntaram: o azul, laranja ou vermelho?”

A Fernanda Martins: “a brincadeira preferida da Carol não é de boneca e nem fazer comidinha, mas viajar! Faz as “malas”, determina onde é o “avião”, que horas é o “embarque”, e ai de quem (pais, avós, tios, gato, cachorro) não se comporta na viagem dela!”

A filha da Mônica Costa também brinca com as bonecas: aos 3 anos ela arruma as malas das bonecas, coloca-as no carrinho, pega o passaporte antigo e fala com as “filhas dela”: vamos fazer o check-in, filhas!”

A Mônica Alice Branco Pérez: “aqui em casa ao ser informada que sábado era dia de passear com a mamãe e o papai e que podia escolher o passeio minha filha de 2 não titubeou disse eu quero passear em Londres!!!”

A Manuela Andrade conta que “a Lavi também não curte ficar em casa não! Desde bebê é assim, ela fica extremamente irritada…agora, leva ela pra passear que o sorriso logo abre! Ela gosta de movimento, barulho…”

A Livi Souza do Blog Bahianos no Polo Norte:
“A daqui já tá cobrando quando viajaremos de avião novamente, viagem para ela é de avião. Carro é passeio. Pediu pra ir a New York. E nós acabamos de viajar em janeiro! Pode?”

A Marina Degurmendjian: “a minha mais velha tem passaporte de mentira com foto e carimbos e leva para a escola para brincar de viajar. E, quando monto roteiro, ela já vem palpitar o que quer visitar…

A Ana Luiza Ogg Strauss do Blog Ases a Bordo: O Alex tinha 4 anos quando fizemos uma viagem nacional. Ao chegar no destino perguntou “Mãe, cadê o meu passaporte? Quero que eles carimbem aqui!” E depois ainda ficou triste quando falei que nas viagens no Brasil eles não carimbavam . “Poxa e como fica a minha coleção?”

A Isabela Pitanga, que atualmente está viajando com a família pela Rússia, conta:
Eu: Dan, escolha um brinquedo pra levar no avião.
Dan, de 5 anos: Pra qual país?

A Nani Moncau sabe que tem um pequeno viajante… “quando faz 3 semanas que você voltou de viagem e seu filho diz “ah mãe, faz um tempão que a gente não viaja né?”

A Andrea Barros do Blog Do RS para o Mundo:
“A minha filha estuda inglês desde os 4 anos. Agora pediu alemão! Deve ser pra correr o mundo!”

A Flavia Oliveira:
-“Mãe, de Dia das Crianças eu queria um avião.
-Impossível, minha filha!
-Seria bom, assim a gente ia viajar sempre que quisesse”.

Tem também o caso das crianças que transformam os pais…como a pequena Gio da Katiane Porpino: “Eu e meu marido nunca fomos de viajar. Passávamos o fim de semana sempre em casa (que tempo perdido), até o dia que tivemos nossa primeira filha e logo vimos que ela não suportava ficar em casa! Aí, graças a Deus, mudamos e ela não dá um pingo de trabalho em viagens. É daquelas que fica acordada o dia todo, aproveita tudo, come de tudo, prova as novidades e não tem medo de quase nada.”

A Maria de Lourdes Campos avisa: “e isso só piora com o tempo….. Os meus estão com 15 e 13, falei para a Luisa que quando ela fizesse 18 podíamos pensar em um carro. Ela respondeu que está muito bem de metro e quer o dinheiro para viajar. Começaram cedo, nunca deram trabalho em viagem alguma, o único problema e que só ficam felizes quando tem uma viagem planejada, seja para onde for!”

 

É claro que nos ocorreu que estamos criando “mini monstros viajantes” que vão colocar a mochila nas costas e vão desaparecer no mundo, o que, de um lado, nos enche de orgulho, mas de outro, hoje pais apegados à pimpolhos pequenos e fofos, é difícil de encarar!

A Mônica Paranhos já avisou: “Eu tô carregando criança, vão ter que me carregar velhinha!”

A Claudia Rodrigues, do Felipe, o Pequeno Viajante também já avisou que vai junto! “A mãe não vai desgrudar nunca!” 😉

 

E suas crianças? Também tem manias viajantes? Conta pra gente!
Feliz Dia das Crianças! Feliz #DiadasCriançasViajantes

Também estamos aqui:

FACEBOOK TWITTER | INSTAGRAM | GRUPO VIAGENS EM FAMÍLIA

4132 Visualizações

Sut-Mie Guibert, Family Travel Blogger, Blogueira especializada em Viagens em Família, com crianças e bebês. Jornalista e mãe de duas meninas de 5 e 2 anos, adora levar as crianças para conhecer o mundo! Mas também gosta de escutar e falar sobre o assunto com outras famílias, que são sempre bem-vindas por aqui!

16 comentários para este artigo

  1. Maíra disse:

    O grupo do Face não aceita novos participantes, Sut? Desde março tô tentando entrar e pegar dicas para a primeira viagem do meu pequeníssimo viajante e nada… 🙁
    Feliz dia das crianças pra todos nós!

  2. Luciana Araújo Gomes disse:

    Olá!
    Nossa me identifiquei demais!
    Acho que também estou criando mini monstros.rs
    Meu filho mais velho, de 4 anos, quando falamos vamos para casa, ele pergunta: Casa de verdade ou Casa hotel? ele olha mapas e localiza o que já conheceu e fala coisas que viu.
    De repente num domingo ele fala: Mamãe, quero ir pra casa do Mickey! e eu: Filho, não é tão fácil assim, tem que planejar. Ele: É fácil, é só pegar um avião! kkkkkk
    Já aprendeu a falar algumas palavras básicas em inglês e italiano, a contar os primeiros números nas duas línguas. Pergunta o tempo todo: Como fala isso em tal língua?
    Meu pititinho de 1 ano e 9 meses fala poucas palavras, mas fala: Sseá (passear), Ciao (e faz o gesto de tchau como os italianos), Sí (de novo como os italianos). Ontem chegamos de viagem e hoje fiz uma continha básica, o pititico já passou 10% da vida dele viajando!!!!
    Os dois se sentem super a vontade em todos os meios de transporte e não estranham lugar nenhum. Também fico com medo de crescerem e sumirem no mundo!Afinal, não terá mistérios para eles.
    Fico falando para o mais velho que quando ele for adulto e nós velhinhos ele é que vai nos levar para viajar!
    Sinto que as viagens só fortalecem nossa relação!

  3. Francine disse:

    Perfeito Sut!!!!

    Aqui em casa é igual!!

    Beijo nas pimpolhas!!!

    Fran@ViagensqueSonhamos

  4. Cris Campos disse:

    Hehehe muito bom!!
    “dia das crianças viajantes”.. adorei! Devíamos criar um dia só pra elas!! =D

    Aqui em casa tem mil histórias… as últimas:
    a gente raramente se hospeda em hotel, mas nesse último fim de semana fomos pra uma estação de esqui aqui na NZ mesmo e, em vez de alugarmos uma casa, ficamos em um lodge. Eu falei pro Theo que ficaríamos num hotel e ele (agora com 2 anos e meio) não pára de rir dizendo “Theo foi no hotel” (que soa como Theo foi no O-Theo hehe)

    no quarto dele tem um tapete que simula ruas, quadras.. tem um aeroporto, uma estação de trem e o mar com praia e porto.. a brincadeira predileta dele é fingir que coloca Theo, mamãe e papai num aviãozinho de brinquedo, viajar viajar atééé algum destino (varia entre Sri Lanka, Índia, Brasil..), o avião pousa no aeroporto do tapete, uma van pára, todo mundo desce do avião e entra na van .. que viaja pelas ruas até a praia (do tapete) .. depois volta e viaja mais.

    as peças do Lego agora são malas que entram no carro, saem do carro, sao entregues pra moça do checkin, depois são colocadas na “esteira” do aeroporto, os bonequinhos viajam, voltam, pegam as malas, colocam no carro.. mas em vez de irem pra casa eles já levam as malas pro trem… porque brincar de casinha é muito chato pra criança viajante! 😉

  5. Karen disse:

    Ameiiiii!!!!!
    Crianças lindas!
    Morri de rir com as antenas, achei que era só aqui em casa!!!
    Beijos!

  6. Que fofo Sut-Mie, adorei!

    A Luiza tambem passou anos confundindo a Torre Eifel com torres de alta tensão rsrsrs

    E o Pedro, aquela vez que fomos pro Rio (e encontramos você) passou a chamar o Cristo Redentor de Cristo R por causa das placas!!!

    11 anos depois da primeira viagem dele, tenho um menino super descolado e antenado em viagens! Que entende culturas, paises, fronteiras e fica indignado quando viajamos sem ele (embora sofra quando perde aula hoje em dia 🙁 porque já está no 6º ano).

  7. Gabriele disse:

    A minha pequena esta com 9 meses e em dezembro fara sua primeira viagem internacional! Mamae e papai viajantes estão ansiosos para apresentar o mundo 🙂
    A lembrancinha da maternidade foi um passaporte e a decoração do quarto dela e um mapa mundi enorme pintado na parede!
    Espero que ela ame viajar tanto quanto a gente 🙂

    • Sut-Mie Guibert disse:

      Olá Gabriele,
      Adorei a lembrancinha da maternidade! Bela ideia!
      Que a sua pequena seja uma grande viajante e que vcs cultivem belas lembranças de muitas viagens juntos!
      Um abraço

  8. Carla Torres disse:

    Muito bom! Essa foto da mala está demais! Vou copiar a ideia, colocar meus dois pacotinhos na mala (rs).

Deixe seu Comentário





* Campos obrigatórios