Ficou fácil viajar com crianças!

Napa Valley com crianças

Nós gostamos de vinho. E quando decidimos que a nossa viagem pela Califórnia começaria por São Francisco, tínhamos a certeza de querer visitar Napa Valley, “berço” dos vinhos californianos. Mas vamos combinar que vinhos e vinícolas quase não combinam com crianças, certo? Errado. Para concretizar esse passeio, nada foi tão acertado quanto contratar os serviços da Guia brasileira Maryanne McD, do Hotel California Blog. Ela mora em São Francisco há mais de 10 anos, oferece vários tours pela Califórnia, inclusive Napa com crianças! Bingo!

 

Tour Napa com crianças

O Tour dura o dia todo e inclui 3 vinícolas (no nosso caso, as mais interessantes com crianças) que visitamos de forma muito agradável, sem pressa. A Mary veio nos buscar de carro no nosso Hotel Pier 2620 às 9h30 e em 1h15 estávamos em Napa. Bacana porque é bem pertinho e não cansa. No caminho, a Mary já foi contando histórias e informações das mais de 400 vinícolas e região, linda, aliás.

Chegamos na primeira vinícola: Frog’s Leap, muito bonita e aconchegante. Uma boa maneira de começar o dia. Há vários tipos de degustação, mas a Mary já tinha feito as reservas necessárias.

Ficamos na varanda da casa, um lugar super agradável. Tudo foi aprazível nessa degustação: o ambiente, os vinhos, a beleza do visual e o serviço impecável. A degustação inclui 4 taças (3 tintos e um branco, todos orgânicos) acompanhadas de um pratinho de queijos.

Não vou me aventurar em comentar os vinhos. Nós gostamos muito, mas infelizmente não tenho o conhecimento necessário para fazer comentários importantes.

Em contrapartida, posso contar porque ela é acolhedora para crianças:
– A Frog’s Leap tem um cachorro de estimação (que aparece no vídeo institucional) e é pets friendly. Vemos isso nos detalhes, nos bebedouros espalhados pelo jardim e nos visitantes que trazem cachorros, o que sempre diverte crianças.
– Ela também oferece desenhos para as crianças colorirem e sucos de frutas.
– O jardim é lindo e grande. E enquanto os pais degustam um vinho na varanda, as crianças descobrem os arredores. Há vários cantinhos com cadeiras e mesas. Além disso, tem uma horta com diversas plantas e legumes, sempre interessantes para crianças urbanas: vimos morangos, abóboras, milho, etc… Tem até um galinheiro com galinhas e patos. Além das videiras, é claro.

 

Em seguida, chegou a hora do almoço e aproveitamos para fazer um piquenique em outra vinícola: a V. Sattui Winery.

Uma vez mais, um lugar muito bonito com um gramado extenso, cheio de árvores e mesas onde comer (as fotos mostram muita gente porque era feriado).

A vinícola é bem antiga e a proposta é interessante porque no interior dela há um mercado/delicatessen com várias saladas, pães, queijos, pastinhas e eles também fazem degustações tradicionais (em taças) ou vendem garrafas inteiras, que você pode tomar durante o piquenique.

Foi o que fizemos: compramos uma garrafa de Pinot Noir, que tomamos no almoço e levamos o resto para terminar no Hotel.

A V. Sattui é bem interessante com crianças:

– por ter muito espaço verde para correr e brincar,
– muitas famílias e grupos grandes, inclusive com carrinhos e bebês,
– que criança não curte um piquenique, um almoço diferente?
– O Wine Train passa do lado e até faz uma parada para as pessoas descerem. As crianças adoram ver o trem passar.

Depois do almoço, e para fazer a digestão, tínhamos a opção de programas bem infantis, como visitar o Old Faithful Geyser, um pequeno geyser com fazendinha onde é possível alimentar os bichos ou visitar a fábrica de balas da Jelly Belly, que tem visitas gratuitas. Mas acabou que o nosso dia estava tão agradável dessa forma, que não sentimos necessidade de ter uma programação “especificamente infantil”. As crianças já estavam se divertindo, brincando em qualquer lugar e topando tudo.

Sendo assim, fomos tirar algumas fotos no caminho e preferimos chegar mais cedo na terceira vinícola: Inglenook. Mais uma vez um lugar lindo, muito elegante desta vez.
Esta vinícola é muito antiga, do século XIX e uma das primeiras da região. Ela atravessou a Segunda Guerra Mundial e nos anos 70, foi comprada pelo famoso cineasta americano Francis Ford Coppola. Como ela é clássica, ela fica em um casarão imponente, quase um Castelo, rodeado de vinhas, jardins, fontes e espelho d’água. Um ambiente que nos lembrou a Europa.

Ali também oferecem degustações tradicionais em um salão (devem ser reservadas).

No entanto, e com crianças, é mais agradável ir até o Bistrô, comprar uma taça de vinho avulso (experimente o Rubicon) e sentar numa mesinha no lado de fora, assim as crianças podem correr e brincar.

A Inglenook é interessante com crianças:
– Tem muito espaço e jardins,
– Há barquinhos à disposição para se divertir no Lago, que podem ser empurrados com varas, como nos parques de Paris.

Depois de curtir bastante os jardins e tirar muitas fotos, fomos até o primeiro andar, que é uma espécie de Museu do Coppola, com fotos, relíquias dos filmes, Oscar… e até um carro antigo que serviu na filmagem de um dos seus filmes.

 

Na volta, ainda passamos por Sonoma, outra região perto de Napa, também conhecida por seus vinhos mas com um tipo de paisagem e terreno diferente. E também por Yountville, uma gracinha de cidade muito charmosa, com vários restaurantes estrelados como o The French Laundry e Bouchon. Deu vontade de passar ali um final de semana inteiro! Ficar numa pousada gostosa, fazer tours de bike, de balão, conhecer mais vinícolas e restaurantes ótimos. Um destino ideal para casais ou com crianças maiores! Voltaremos! 🙂

 

Porque valeu à pena contratar os serviços da Guia Hotel Califórnia Blog?

– Porque ela dirigiu o tempo todo, o que nos permitiu fazer todas as degustações de vinhos desejadas. 🙂 Poderíamos alugar um carro e passear sozinhos, mas álcool e direção não combinam e não se brinca com a Polícia Americana. Se não tivéssemos a companhia da Mary, só um de nós teria a oportunidade de provar os vinhos.
– Porque ela é muito simpática, acolhedora, conhece bem a região, histórias das vinícolas e dá todas as dicas. Além de ter um papo muito agradável (em português).

Para as crianças: ela tem booster no carro, se for necessário. Além disso, ela conhece perfeitamente as vinícolas e consegue mesclar o que a família pedir: melhores vinícolas com momentos de lazer para os pequenos.

É muito bom quando conseguimos conciliar programas que agradam a todos! Obrigada Mary, foi um dia delicioso!

 

Mais informações e preços:
Hotel California Blog – Tour Napa Valley
O preço de cada degustação e almoço são por fora

Leia também:
São Francisco com crianças
Bike the Bridge: um tour de bike com crianças pela Golden Bridge
Salito’s Crab House: restaurante kids friendly em Sausalito
Yosemite com crianças

Também estamos por aqui:
FACEBOOK TWITTER | INSTAGRAM | GRUPO VIAGENS EM FAMÍLIA

1449 Visualizações

Sut-Mie Guibert, Family Travel Blogger, Blogueira especializada em Viagens em Família e com crianças. Jornalista e mãe de duas meninas de 10 e 6 anos, adora levar as crianças para conhecer o mundo! Mas também gosta de escutar e falar sobre o assunto com outras famílias, que são sempre bem-vindas por aqui!

6 comentários para este artigo

  1. Ana Cristina Costa disse:

    AMEI o relato!!
    Muito legal saber dessas opções de vinícolas e como o passeio pode ser interessante para as crianças também.

  2. Oi, Sut. Tudo bem? 🙂

    Seu post foi selecionado para o #linkódromo, do Viaje na Viagem.
    Dá uma olhada em http://www.viajenaviagem.com

    Até mais,
    Bóia – Natalie

  3. Maryanne disse:

    Obrigada Sut-Mie. Que delícia de relato, vou colocar link no face do blog. Beijo pra vcs e as crianças.

  4. Vanessa disse:

    Muito bom o post, justamente o que estava procurando. Irei para Califórnia em outubro com uma criança de 2 anos. Aguardando ansiosamente os posts com a sequência da viagem. Abs

Deixe seu Comentário





* Campos obrigatórios